PUBLICIDADE

sa√ļde

Doces: como evitar os grandes vil√Ķes da dieta e acelerar a perda de peso

√Č dif√≠cil resistir √† tenta√ß√£o quando se trata de doces, tanto que esse √© um dos maiores pontos fracos de quem faz dieta. S√≥ de pensar em uma mesa farta, com tortas, bolos e outros quitutes, a maioria das pessoas j√° tem aquela sensa√ß√£o de √°gua na boca. O problema √© que o consumo dessas guloseimas e sobremesas cheias de a√ß√ļcar s√≥ oferece calorias vazias ao nosso corpo que, al√©m de n√£o obter nenhum nutriente ben√©fico √† sa√ļde, ainda pode ser prejudicado.

Mas ent√£o, o que fazer para evitar esses inimigos dos h√°bitos saud√°veis? Muitos acreditam que for√ßa de vontade e determina√ß√£o s√£o a chave para o sucesso, mas ser√° que nesses casos isso basta? √Äs vezes a compuls√£o por doces pode ser proveniente de um card√°pio desequilibrado e indicar uma car√™ncia de nutrientes no organismo. √Č preciso verificar os gatilhos que provocam esse desejo para compreender os sinais corporais e adotar estrat√©gias simples que podem ajudar a n√£o perder a linha.

Entenda seu corpo

O desejo por algo doce, muitas vezes, √© um ind√≠cio de que os n√≠veis de a√ß√ļcar no organismo est√£o desequilibrados. Quando a quantidade est√° abaixo do ideal, o corpo anseia por alimentos ricos em carboidratos a√ßucarados para se estabilizar. Esse tipo de alimento √© rapidamente digerido e oferta energia imediata em nosso metabolismo, por√©m, por um curto per√≠odo, assim em pouco tempo a pessoa sente a necessidade de voltar a ingerir a√ß√ļcar.

Conforme explica a nutricionista Sinara Menezes ‚Äúesses alimentos tamb√©m possuem um alto √≠ndice glic√™mico (IG) que se trata do potencial em elevar a glicemia, ou seja, quanto maior esse √≠ndice, mais elevado ficar√£o os n√≠veis de a√ß√ļcar no sangue, isso provoca um pico de insulina ‚Äď horm√īnio secretado pelo p√Ęncreas que age no metabolismo dos carboidratos, transportando-os at√© as c√©lulas como forma de energia ‚Äď em uma tentativa de estabilizar esses n√≠veis.‚ÄĚ

O problema √© que, quando esse processo ocorre frequentemente, o p√Ęncreas aumenta a produ√ß√£o de insulina, ficando sobrecarregado e o organismo desenvolve uma resist√™ncia ao horm√īnio, o que favorece o surgimento de doen√ßas como obesidade e diabetes tipo 2.

Invista em alternativas mais saud√°veis

Trocas inteligentes podem ser feitas para que a pessoa consuma alimentos prazerosos sem ter de fazer grandes sacrif√≠cios ou abusar do a√ß√ļcar. No in√≠cio, abrir m√£o totalmente dos doces pode ser encarado como algo muito dif√≠cil ou, at√© mesmo, imposs√≠vel de ser realizado. Essa sensa√ß√£o √© prejudicial e pode levar √† uma desist√™ncia f√°cil. Portanto, o ideal √© que seja realizada uma transi√ß√£o, at√© que a pessoa se acostume com os novos h√°bitos. Para isso, de acordo com a nutricionista, algumas substitui√ß√Ķes podem ser feitas:

Chocolate meio amargo:¬†essa op√ß√£o √© encontrada acima de 50% cacau e possui menos a√ß√ļcar e baixo teor de gorduras. Consumir uma pequena por√ß√£o pode aliviar o anseio por doces e proporcionar mais energia. Al√©m disso, pode ser usado no preparo de receitas como substituto de achocolatados ou chocolate ao leite, que √© muito gorduroso.

Frutas:¬†saud√°veis, acess√≠veis, com baixo custo e totalmente naturais ‚Äď as frutas s√£o sem d√ļvidas a melhor op√ß√£o para driblar o desejo por guloseimas. Al√©m disso, ainda h√° as que possuem um baixo √≠ndice glic√™mico como as frutas vermelhas. Elas podem ser consumidas in natura ou acrescidas de aveia, linha√ßa ou outros ingredientes funcionais para aumentar a saciedade.

Chás: especialmente os termogênicos, pois, além de enganar o estomago, têm a capacidade de acelerar o metabolismo e aumentar a queima de gorduras. Uma boa opção é o chá de hibisco, que possui um sabor agradável e não precisa adoçar.

Cromo:¬†O mineral ajuda a estabilizar os n√≠veis de a√ß√ļcar no sangue e tem a√ß√£o comprovada na¬†redu√ß√£o do apetite, agindo principalmente no desejo por doces. Alimentos como br√≥colis, cereais integrais, nozes, cogumelo, soja, tomate, cebola, trigo, p√£o de centeio, ervilha e batata s√£o boas fontes de Cromo.

Fuja das tenta√ß√Ķes

Em casos de compuls√£o, descontrole ou mesmo aquele desejo forte por doces, a melhor estrat√©gia √© dificultar o acesso a eles. √Č muito mais f√°cil resistir quando n√£o se tem a dispensa e a geladeira repletas de tenta√ß√Ķes, portanto, ao fazer compras √© importante ter os objetivos em mente e manter o foco, evitando alimentos com calorias vazias e priorizando aqueles com alto valor nutricional. Outra dica importante √© preparar as refei√ß√Ķes e sobremesas em pequenas por√ß√Ķes, assim o risco de consumir as sobras em um momento de compuls√£o √© eliminado.

Foto: Reprodução

PUBLICIDADE