PUBLICIDADE

carros & motos

Conheça a nova geração do Fiesta ST

A Ford exibiu pela primeira vez na Europa o Fiesta ST de nova gera√ß√£o, que estreia no m√™s que vem no Sal√£o de Genebra. O hatch esportivo com novo motor EcoBoost 1.5 de tr√™s cilindros tem 200 cv e uma acelera√ß√£o estimada de 0 a 100 km/h em 6,7 segundos ‚Äď veja o v√≠deo abaixo.

O Fiesta ST de terceira geração será o primeiro modelo da Ford Performance com motor de três cilindros e também o primeiro Fiesta ST com modos de direção selecionáveis: Normal, Sport e Track (pista), otimizando os controles do motor, direção e estabilidade para cada condição de rodagem.

Os modos de dire√ß√£o variam tamb√©m o som do escapamento, que conta com v√°lvula de controle ativo e a tecnologia ‚ÄúElectronic Sound Enhancement‚ÄĚ. O sistema amplifica o som naturalmente esportivo do novo motor EcoBoost, que tamb√©m √© o primeiro tr√™s cilindros da ind√ļstria com sistema de desativa√ß√£o de cilindros para reduzir ainda mais as emiss√Ķes.

Com lan√ßamento programado para o in√≠cio de 2018 nas vers√Ķes de tr√™s e cinco portas, o novo Fiesta ST ter√° tamb√©m uma grande variedade de acabamentos e personaliza√ß√£o, incluindo uma grade exclusiva, rodas de liga leve de 18 polegadas, bancos Recaro, sistema multim√≠dia SYNC 3 e som de alta qualidade B&O Play.

“O novo Fiesta ST oferece uma combina√ß√£o sem precedentes de desempenho e economia de combust√≠vel para entregar uma experi√™ncia de condu√ß√£o ainda mais vers√°til, divertida, envolvente e gratificante‚ÄĚ, diz Joe Bakaj, vice-presidente de Desenvolvimento do Produto da Ford Europa.

 

Novo motor EcoBoost 1.5

Como os demais motores da família, o novo EcoBoost 1.5 combina turbocompressor, injeção de combustível em alta pressão e duplo comando independente e variável de válvulas para aumentar o desempenho e a economia de combustível.

A arquitetura de tr√™s cilindros oferece naturalmente um alto torque em baixas rota√ß√Ķes. Um novo turbocompressor, com turbina de design otimizado, aumenta o desempenho com press√£o mais r√°pida e redu√ß√£o do atraso (lag).

A nova tecnologia de desativa√ß√£o de cilindros da Ford ‚Äď introduzida pela primeira vez em um motor de tr√™s cilindros no motor EcoBoost 1.0 ‚Äď vai melhorar ainda mais a economia de combust√≠vel do Fiesta ST, sem afetar o desempenho.

Ela interrompe automaticamente a entrada de combust√≠vel e a opera√ß√£o das v√°lvulas de um dos cilindros do motor quando a capacidade m√°xima n√£o √© necess√°ria. Ela pode desativar ou reativar um cilindro em 14 milissegundos ‚Äď 20 vezes mais r√°pido que um piscar de olhos.

 

Novos modos de direção

Os modos de dire√ß√£o selecion√°veis ‚Äč‚Äčd√£o grande versatilidade ao novo Fiesta ST. No modo Normal, o mapeamento do motor, o controle de tra√ß√£o, o controle eletr√īnico de estabilidade, o som do escapamento e a dire√ß√£o el√©trica s√£o configurados para uma resposta natural e conectada.

No modo Sport, o mapeamento do motor e a resposta do acelerador são aprimorados e a direção é ajustada para um controle mais rápido. A válvula de controle de ruído ativa é aberta para um som de escape mais esportivo.

No modo Track, todas as caracter√≠sticas din√Ęmicas do ve√≠culo s√£o ajustadas para uma acelera√ß√£o mais r√°pida, o controle de tra√ß√£o √© desativado e o controle de estabilidade permite um deslizamento maior para circuitos travados.

O chassi tunado pela Ford Performance contará também com uma tecnologia aperfeiçoada de controle de torque vetorial, que reduz o subesterço aplicando o freio à roda dianteira interna em curvas. O controle de estabilidade permitirá ao motorista escolher três modos de atuação: intervenção completa; modo de deslizamento amplo com intervenção limitada; e desativação total.

A Ford Performance serve como laborat√≥rio global de inova√ß√£o para o desenvolvimento de tecnologias de aerodin√Ęmica, redu√ß√£o de peso, eletr√īnica, desempenho e economia de combust√≠vel que depois podem ser aplicadas no portf√≥lio de produtos da Ford.

Fotos e vídeo: Reprodução

PUBLICIDADE