PUBLICIDADE

mundo

Reino Unido tira quarentena obrigatória para viajantes brasileiros, diz jornal

O primeiro-ministro brit√Ęnico¬†Boris Johnson¬†vai flexibilizar para mais pa√≠ses as viagens com destino ao¬†Reino Unido, tirando a necessidade de fazer quarentenas, e anunciar√° a medida ainda nesta semana, informou o¬†‚ÄúThe Sunday Telegraph‚ÄĚ, acrescentando que a ‚Äúlista vermelha‚ÄĚ ser√° reduzida de 54 pa√≠ses para nove.

As mudanças devem ser anunciadas na próxima quinta-feira (7) e provavelmente resultarão em uma onda de reservas nos hotéis, ajudando as companhias aéreas e de viagens que ficaram seriamente comprometidas durante a pandemia.

A política de quarentena de hotéis para países de alto risco custa £ 2.285 (ou US$ 3.095) por adulto. A Grã-Bretanha já planejava relaxar suas regras de viagem a partir de amanhã (4), descartando a lista para destinos de risco médio e não mais exigindo que os passageiros totalmente vacinados façam teste de Covid-19 antes de chegar ao país vindos de lugares que não estão na lista vermelha.

O governo informou que, a partir do fim de outubro, quem chegar à Inglaterra não precisará mais fazer o teste de PCR dois dias após a chegada e poderá optar por outro teste mais barato.

*Com Reuters

PUBLICIDADE