PUBLICIDADE

Mercado

Leilão em SP terá vinho raro de R$ 100 mil e foto autografada por Pelé

Amantes de vinho e de futebol ter√£o hoje (18) a chance de arrematar itens raros para chamar de seus ‚Äď e por uma boa causa. Isso porque o projeto social Alimentando o Bem, que acolhe e desenvolve mulheres e crian√ßas no Guaruj√°, realizar√° um leil√£o beneficente na capital paulista, repleto de objetos valiosos.

Um dos destaques da noite ser√° um raro exemplar lacrado do vinho franc√™s Ch√Ęteau Petrus, de 1979, com valor de mercado de R$ 100 mil. Mas a pe√ßa de maior expectativa certamente √© uma foto que capturou um dos feitos mais ic√īnicos da trajet√≥ria de Pel√©: a sua bicicleta durante a goleada de 5 a 0 do Brasil sobre a B√©lgica, em 1965. Tirada pelo fot√≥grafo Alberto Ferreira, o registro hist√≥rico ainda conta com a assinatura do rei do futebol.

A fotografia foi doada ao evento pelo banqueiro e filantropo Roberto Setubal, e terá um lance inicial de R$ 70 mil. A estimativa, porém, é que o item chegue a ser vendido por R$ 250 mil.

Além do leilão, o evento contará com menu especial assinado pelo chef Felipe Bronze e uma apresentação do coral Canto das Guerreiras, formado por mulheres em situação de vulnerabilidade que estão sendo acolhidas pela organização.

O nome por tr√°s do evento √© a designer de joias e empreendedora social Emar Batalha, que fundou o Instituto Alimentando o Bem em 2020. ‚ÄúO litoral Sul de S√£o Paulo √© a minha segunda casa e ter iniciado esse projeto, que ainda tem uma atua√ß√£o muito regional, mas que faz a diferen√ßa na vida na vida de tantas pessoas, tem um significado muito forte. Hoje, nossas principais causas s√£o o acolhimento e capacita√ß√£o de mulheres, al√©m de aux√≠lio em quest√Ķes habitacionais para deslocar pessoas que ainda vivem em palafitas para moradias dignas e seguras‚ÄĚ, explica.

Hoje com 21 colaboradores, a organização já realizou mais de 700 atendimentos socioassistenciais, e atualmente atende 70 famílias no projeto Morada Digna, especialmente na comunidade do Perequê, no Guarujá.

Em sua segunda edi√ß√£o, a expectativa √© que o evento beneficente de 2023 supere os n√ļmeros do ano passado ‚Äď quando reuniu 200 apoiadores e R$ 1,5 milh√£o em doa√ß√Ķes. Para este ano, estima-se a presen√ßa de 300 convidados e R$ 2 milh√Ķes arrecadados em convites (que variam de R$ 2.000 a R$ 3.000 por pessoa) e lances no leil√£o. Todo o valor ser√° destinado para o Instituto Alimentando o Bem.

Por Forbes