PUBLICIDADE

mundo

Príncipe Harry faz aparição surpresa em live e fala sobre Lady Di

O príncipe Harry surpreendeu quem estava assistindo a transmissão ao vivo do Diana Award 2021 no último domingo, 27. A premiação homenageia os jovens pelo mundo que trabalham para melhorar a vida de outras pessoas. Desde 1999, o prêmio é destinado a adolescentes e adultos de 9 a 25 que trabalharam em prol da ação social ou do trabalho humanitário.

Harry está no Reino Unido desde a última sexta-feira, 25, para a cerimônia que vai homenagear sua mãe, a princesa Diana. No dia 1 de julho, Diana completaria 60 anos se estivesse viva e a inauguração de uma estátua da princesa está prevista para acontecer neste dia. O evento reunirá os dois filhos de Diana: Harry e William. O príncipe Charles estará na Escócia.

No vídeo da premiação, por volta do minuto 45, Harry diz:  “Eu gostaria de começar reconhecendo e celebrando os incríveis jovens que estão se juntando a nós hoje. E onde quer que você esteja agora, quero agradecer por fazer parte deste momento importante e por ser um ativo tão valioso para sua comunidade. Estou realmente honrado em comemorar o trabalho de vocês, o compromisso com a mudança e o papel vital que vocês assumiram ao representar uma nova geração de humanitarismo”.

Ele finaliza sua fala dizendo: “No final desta semana, meu irmão e eu estaremos relembrando o que seria o 60º aniversário de nossa mãe, e ela ficaria muito orgulhosa de todos vocês por viverem uma vida autêntica com propósito e com compaixão pelos outros. Nossa mãe acreditava que os jovens têm o poder de mudar o mundo. Ela acreditava nessa força porque  via, dia após dia, e, nos rostos de jovens exatamente como vocês, ela testemunhava um entusiasmo e uma paixão sem limites. E eu também vejo esses mesmos valores brilharem como tem acontecido há 21 anos. O Diana Awards carrega seu legado ao colocar os jovens no centro de nosso futuro. E isso nunca foi tão importante”.

Homenagens à Lady Di

No dia 1 de julho, os príncipes Harry e William devem se reunir pela primeira vez após o funeral do avô, o Príncipe Philip, marido da Rainha Elizabeth, ocorrido em 17 de abril. Sob as atuais restrições de viagem relativas à pandemia do coronavírus, os Estados Unidos estão na lista âmbar do Reino Unido, o que significa que qualquer pessoa que chegue deste país deve ficar em quarentena por 10 dias e fazer dois testes obrigatórios de Covid-19 no Reino Unido. Há também a opção de fazer um terceiro teste a partir do quinto dia de quarentena no programa “Test to Release” (em tradução livre: “Teste para liberação”). Se o resultado for negativo, o teste permite ao viajante terminar a quarentena mais cedo. As informações são do The Intercept.

De acordo com a Hello Magazine, Meghan Markle, não estará presente na cerimônia. Sem citar fontes, a correspondente real Diane Shipley deu um palpite: “Meghan não estará na cerimônia porque sua filha recém-nascida, Lilibet Diana, não terá nem um mês de vida”.

A estátua

Os príncipes Harry e William encomendaram a estátua em 2017, no 20º aniversário da morte de sua mãe. Na época, os irmãos disseram que “reconheceriam seu impacto positivo no Reino Unido e em todo o mundo”.

O comunicado oficial foi enviado à imprensa diretamente do setor de comunicações do Palácio de Kensington e dizia: “A estátua será instalada no Sunken Garden do Palácio de Kensington em 1º de julho de 2021, marcando o 60º aniversário da princesa. Os príncipes esperam que a estátua ajude todos aqueles que visitam o Palácio de Kensington a refletirem sobre a vida de sua mãe e seu legado”.

“Já se passaram vinte anos desde a morte de nossa mãe e é o momento certo para reconhecer seu impacto positivo no Reino Unido e em todo o mundo com uma estátua permanente. Nossa mãe tocou tantas vidas. Esperamos que a estátua ajude todos aqueles que visitam o Palácio de Kensington a refletirem sobre sua vida e seu legado”, informou o comunicado em nome dos príncipes Harry e William.
*Por Camilla Viegas/Metro Jornal