PUBLICIDADE

mundo

Twitter amplia regras sobre desinforma√ß√£o antes de elei√ß√Ķes dos EUA

O Twit¬≠ter disse nes¬≠ta quin¬≠ta-feira (10) que ir√° remover de sua platafor¬≠ma infor¬≠ma√ß√Ķes incor¬≠re¬≠tas pub¬≠li¬≠cadas com o obje¬≠ti¬≠vo de minar a con¬≠fi¬≠an√ßa na elei√ß√£o dos EUA, incluin¬≠do pub¬≠li¬≠ca√ß√Ķes que alegam a vit√≥ria antes da divul¬≠ga√ß√£o dos resul¬≠ta¬≠dos ou que inci¬≠tam uma con¬≠du¬≠ta ile¬≠gal para evi¬≠tar uma trans¬≠fer¬≠√™n¬≠cia pac√≠¬≠fi¬≠ca de poder.

O Twit¬≠ter disse em seu blog que est√° atu¬≠al¬≠izan¬≠do suas regras para recon¬≠hecer as mudan√ßas na for¬≠ma como as pes¬≠soas votar√£o na elei√ß√£o de 3 de novem¬≠bro e ten¬≠tar se pro¬≠te¬≠ger con¬≠tra a supress√£o de eleitores e con¬≠te√ļ¬≠do enganoso em sua platafor¬≠ma.

A rede social tam¬≠b√©m afir¬≠mou que colo¬≠caria aler¬≠tas ou remove¬≠ria infor¬≠ma√ß√Ķes incor¬≠re¬≠tas, que criem con¬≠fus√£o sobre leis, reg¬≠u¬≠la¬≠men¬≠tos e fun¬≠cion√°rios envolvi¬≠dos em proces¬≠sos c√≠vi¬≠cos, bem como ale¬≠ga√ß√Ķes con¬≠tes¬≠tadas que pode¬≠ri¬≠am minar a cred¬≠i¬≠bil¬≠i¬≠dade do proces¬≠so, como infor¬≠ma√ß√Ķes n√£o ver¬≠i¬≠fi¬≠cadas sobre apu¬≠ra√ß√£o de votos ou sobre fraude eleitoral.

Um por¬≠ta-voz do Twit¬≠ter disse que se o con¬≠te√ļ¬≠do con¬≠ter men¬≠ti¬≠ras espec√≠¬≠fi¬≠cas ou tiv¬≠er poten¬≠cial de causar maiores danos ser√° deter¬≠mi¬≠na¬≠do se ser√° removi¬≠do ou ter√° um aler¬≠ta e teria seu alcance reduzi¬≠do.

As empre¬≠sas de m√≠dia social h√° muito est√£o sob press√£o para com¬≠bat¬≠er a desin¬≠for¬≠ma√ß√£o depois que ag√™n¬≠cias de intelig√™n¬≠cia dos EUA deter¬≠mi¬≠naram que a R√ļs¬≠sia usou suas platafor¬≠mas para inter¬≠ferir nas elei√ß√Ķes de 2016, ale¬≠ga√ß√Ķes que Moscou negou.

O Twit¬≠ter disse que suas regras seri¬≠am ‚Äúapli¬≠cadas igual e cri¬≠te¬≠riosa¬≠mente para todos‚ÄĚ. A nova pol√≠ti¬≠ca, que √© glob¬≠al, entrar√° em vig¬≠or em 17 de setem¬≠bro.

*Por Eliz¬≠a¬≠beth Cul¬≠li¬≠ford

PUBLICIDADE