PUBLICIDADE

7.0 - MANUALtecnologia

Startup de luxo promove evolução no conceito de compartilhamento

Compartilhar é a nova onda: de carros, roupas, utensílios a residências, tudo hoje pode ser compartilhado. Mas, como todo novo mercado, esse também começa gerando oportunidades, mas com pouca padronização, o que acarreta muitos problemas, tanto para quem tem algo a compartilhar, quanto para quem opta por esse tipo de serviço.

Pensando nisso, a Dolce Vacation criou um processo √ļnico e exclusivo de gerenciamento de resid√™ncias de alto padr√£o para compartilhamento por temporada. Bruno Kennerly Benevides, s√≥cio e um dos fundadores da Dolce Vacation, explica: ‚Äúo grande desafio do compartilhamento √© a profissionaliza√ß√£o. No que diz respeito a resid√™ncias, existem custos altos, que v√£o da manuten√ß√£o ao risco para quem aluga e para os h√≥spedes e que podem ser resolvidos pela padroniza√ß√£o‚ÄĚ.

A Dolce Vacation está transformando a realidade do compartilhamento em um negócio seguro, inovador e de altíssimo padrão. Traz conforto extremo e segurança para hóspedes, serviços de hotelaria, como checkin e checkout, concierge, serviço de quarto, entre outros, e rentabilidade e segurança também para o proprietário.

‚ÄúComo as casas s√£o constantemente verificadas, para que tudo esteja sempre em ordem, o propriet√°rio tem sempre um im√≥vel pronto para ser usado‚ÄĚ. Bruno fala isso porque a frequ√™ncia de uso de im√≥veis de regi√Ķes de turismo, especialmente fora do Brasil, √© realmente pequena: ‚Äúh√° quem use de 3 a 4 vezes por ano, ou seja, a propriedade fica mais de 80% do tempo desocupada, o que gera deprecia√ß√£o‚ÄĚ, revela Bruno.

A tendência de compartilhamento está mudando hábitos e costumes. Para o consumidor, é uma oportunidade de ter uma experiência diferente e de ter algo que não poderia se precisasse comprar. Para quem oferta, é a possibilidade de gerar renda com algo que não é tão utilizado, mas que tem um grande potencial.

‚ÄúN√≥s ajudamos as duas pontas‚ÄĚ, revela Bruno, ‚Äúpara o propriet√°rio, mantemos a casa em perfeito estado, garantimos a seguran√ßa no aluguel, contratos dentro da lei e em √°reas que permitem loca√ß√£o por temporada. A loca√ß√£o √© certa, pois utilizamos mais de 40 canais de divulga√ß√£o, al√©m do lucro ser muito maior do que no aluguel anual‚ÄĚ. Bruno segue: ‚Äúpara quem aluga a resid√™ncia, as vantagens s√£o incont√°veis: servi√ßo de primeira linha, local impec√°vel, garantia de seguran√ßa e privacidade, al√©m de muitos outros‚ÄĚ.

Uma verdadeira evolução no compartilhamento, em 4 meses de atuação, a Dolce Vacation já oferece mais de 180 residências para aluguel de curta temporada em Miami e com grande demanda de expansão para: Brasil, Grécia, Austrália e Bahamas, onde deve atuar no próximo semestre. No Brasil, os focos são Trancoso e São Paulo. A empresa opera dentro de políticas legais e, todos os imóveis são qualificados para não haver riscos de multas e expulsão; é possível visitá-lo antes da locação para ter certeza de que aquele é o imóvel desejado e está na região certa e dentro das características anunciadas.

A Dolce Vacation iniciou sua opera√ß√£o em Miami, pela cidade ser um ponto de passagem e de partida para muitos outros destinos, o segundo maior Gateway dos EUA. Para se ter uma ideia, em 2015, o aluguel de f√©rias rendeu 31 bilh√Ķes de d√≥lares para a Fl√≥rida, a maior parte para Miami, segunda cidade do pa√≠s em recep√ß√£o de turistas, perdendo apenas para Nova York. O sucesso do modelo de neg√≥cio tem sido t√£o significativo, que j√° se discute o novo caminho da hotelaria mundial, que j√° tem forte demanda de expans√£o na Am√©rica do Sul – principalmente Brasil, Oceania e Europa. Pelo site √© poss√≠vel fazer a sele√ß√£o, de forma simples e r√°pida, levando em conta o estilo, tamanho, local e valor, de acordo com o lifestyle e momento de cada h√≥spede.

Foto: Reprodução

PUBLICIDADE