PUBLICIDADE

brasil

Primeira dose da vacina contra Covid-19 permanece suspensa no Rio

Permanece suspensa a aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 na cidade do Rio de Janeiro. Segundo a prefeitura a suspensão ocorre devido à falta de estoques do imunizante.

A Secretaria Municipal de Sa√ļde (SMS) informou que ‚Äúa vacina√ß√£o ser√° retomada assim que o Minist√©rio da Sa√ļde enviar nova remessa de vacinas‚ÄĚ. Por enquanto, os postos continuam atendendo pessoas agendadas para tomar a segunda dose, conforme a data marcada.

Segundo a secretaria, as 76.340 doses do imunizante da AstraZeneca retiradas na central de distribuição do estado no sábado (24) já estavam reservadas para a segunda dose.

Versão do ministério

Por meio de nota, o Minist√©rio da Sa√ļde informou que vai distribuir 10,2 milh√Ķes de doses da vacina contra a covid-19 para os estados e o Distrito Federal ‚Äúnos pr√≥ximos dias‚ÄĚ.

‚ÄúNa √ļltima semana, 8,7 milh√Ķes de doses dos imunizantes chegaram √†s unidades da federa√ß√£o. Ao todo, mais de 164,4 milh√Ķes de doses j√° foram enviadas pelo Minist√©rio da Sa√ļde para imuniza√ß√£o da popula√ß√£o brasileira em todo o pa√≠s‚ÄĚ, informou a pasta.

A previsão para esta semana, segundo o calendário divulgado pela prefeitura do Rio de Janeiro no dia 15, é que receberiam a primeira dose pessoas de 34 e 33 anos.

A vacinação seguiria em agosto com escalonamento apenas por idade, até o dia 18, quando seriam imunizados quem tem 18 anos. Já os adolescentes começariam a receber a primeira dose no dia 23 de agosto, com as meninas de 17 anos.

 

Edição: Kleber Sampaio

PUBLICIDADE