PUBLICIDADE

s√£o paulo

Governo do Estado assina contratos para sanear Bacia do Rio Pinheiros

Mais de 3,7 mil vagas de tra¬≠bal¬≠ho s√£o aber¬≠tas pelo gov¬≠er¬≠no de S√£o Paulo para a exe¬≠cu√ß√£o de obras de esgo¬≠ta¬≠men¬≠to san¬≠it√°rio do Novo Rio Pin¬≠heiros, pro¬≠gra¬≠ma que pre¬≠v√™ inter¬≠ven√ß√Ķes de sanea¬≠men¬≠to e socioam¬≠bi¬≠en¬≠tais com o obje¬≠ti¬≠vo de devolver o cur¬≠so d‚Äô√°gua limpo √† pop¬≠u¬≠la√ß√£o at√© 2022.

Os qua¬≠tro con¬≠tratos assi¬≠na¬≠dos somam R$ 459 mil¬≠h√Ķes e v√£o ampli¬≠ar a cole¬≠ta e o trata¬≠men¬≠to do esgo¬≠to de 164 mil im√≥veis local¬≠iza¬≠dos nas sub-bacias Cordeiro, Cachoeira/Morro do ‚ÄúS‚ÄĚ, Baixo Pira¬≠jus¬≠sara-Anton¬≠i¬≠co e Pira¬≠jus¬≠sara-Po√°/Tabo√£o. As obras v√£o ben¬≠e¬≠fi¬≠ciar dire¬≠ta¬≠mente uma pop¬≠u¬≠la√ß√£o de quase 490 mil pes¬≠soas em todo o entorno.

Qual­i­dade de vida

Por se tratar de um pro­gra­ma essen­cial para a mel­ho­ria da qual­i­dade de vida da pop­u­lação, as ativi­dades do Novo Rio Pin­heiros não foram par­al­isadas durante a quar­ente­na pela pan­demia de COVID-19 e têm con­tribuí­do para a ger­ação de emprego num momen­to em que vários setores da econo­mia sofrem os efeitos da crise.

Em maio pas¬≠sa¬≠do, out¬≠ros seis con¬≠tratos foram assi¬≠na¬≠dos pela Sabe¬≠sp e pelo Gov¬≠er¬≠no do Esta¬≠do de S√£o Paulo para real¬≠iza¬≠√ß√£o de obras de sanea¬≠men¬≠to do Novo Rio Pin¬≠heiros, no val¬≠or de R$ 681 mil¬≠h√Ķes. Eles v√£o ampli¬≠ar a cole¬≠ta e trata¬≠men¬≠to do esgo¬≠to de 280 mil im√≥veis local¬≠iza¬≠dos nas sub-bacias Ribeir√£o Jaguar√©, Alto Pira¬≠jus¬≠sara, Baixo Pira¬≠jus¬≠sara, Cidade Jardim/Morumbi, √Āguas Espra¬≠iadas e Pouso Alegre/Santo Amaro/Poli. Os tra¬≠bal¬≠hos j√° foram ini¬≠ci¬≠a¬≠dos e v√£o ben¬≠e¬≠fi¬≠ciar dire¬≠ta¬≠mente uma pop¬≠u¬≠la√ß√£o de quase 840 mil pes¬≠soas em todo o entorno.

Des¬≠de o fim do ano pas¬≠sa¬≠do, seis lotes j√° t√™m obras em exe¬≠cu√ß√£o e est√£o local¬≠iza¬≠dos nas sub-bacias dos c√≥r¬≠re¬≠gos Corujas/Rebou√ßas, Ponte Baixa/Socorro, Aterrado/Zavuvus e Pedreira/Olaria e tam¬≠b√©m na implan¬≠ta√ß√£o dos cole¬≠tores-tron¬≠co Pira¬≠jus¬≠sara e Joaquim Cachoeira e da rede cole¬≠to¬≠ra do Jardim Tra¬≠mon¬≠tano, na regi√£o do Morumbi. No val¬≠or de R$ 292 mil¬≠h√Ķes, as obras v√£o ampli¬≠ar a cole¬≠ta e o trata¬≠men¬≠to de esgo¬≠to de 88 mil im√≥veis e aten¬≠der uma pop¬≠u¬≠la√ß√£o de 260 mil pes¬≠soas.

Per­for­mance

As obras e a√ß√Ķes est√£o sendo con¬≠tratadas na modal¬≠i¬≠dade de per¬≠for¬≠mance. Com esse mod¬≠e¬≠lo, a empre¬≠sa que vence a lic¬≠i¬≠ta√ß√£o fica respon¬≠s√°v¬≠el por todas as obras de ampli¬≠a√ß√£o e ade¬≠qua√ß√£o do sis¬≠tema de esgo¬≠ta¬≠men¬≠to san¬≠it√°rio e sua remu¬≠ner¬≠a√ß√£o depende do resul¬≠ta¬≠do obti¬≠do. Para avaliar a per¬≠for¬≠mance, ser√£o con¬≠sid¬≠er¬≠adas metas como o total de novos im√≥veis conec¬≠ta¬≠dos ao sis¬≠tema de trata¬≠men¬≠to de esgo¬≠to e a qual¬≠i¬≠dade da √°gua do c√≥r¬≠rego.

A próx­i­ma eta­pa é o proces­so de con­tração de unidades de recu­per­ação da qual­i­dade da água de cór­re­gos, chamadas de URQs. Elas serão implan­tadas para tratar o esgo­to de áreas infor­mais, onde a ocu­pação não deixou espaço para a insta­lação de infraestru­tu­ra de cole­ta. Com isso, a pre­visão é atin­gir, no total, 4,1 mil pos­tos de tra­bal­ho.

Com inves¬≠ti¬≠men¬≠to total esti¬≠ma¬≠do em R$ 1,7 bil¬≠h√£o, as obras do Novo Rio Pin¬≠heiros v√£o ben¬≠e¬≠fi¬≠ciar cer¬≠ca de 3,3 mil¬≠h√Ķes de pes¬≠soas que moram em locais abrangi¬≠dos pela bacia do rio Pin¬≠heiros, uma √°rea de 271 km¬≤ que inclui bair¬≠ros nos munic√≠¬≠pios de S√£o Paulo, Embu das Artes e Tabo√£o da Ser¬≠ra.

Ser√£o lig¬≠a¬≠dos √† rede cole¬≠to¬≠ra de esgo¬≠to 532 mil im√≥veis, no total. Por meio da implan¬≠ta√ß√£o de cole¬≠tores-tron¬≠co, redes cole¬≠toras e lig¬≠a√ß√Ķes, entre out¬≠ras medi¬≠das, a ini¬≠cia¬≠ti¬≠va vai ele¬≠var o trata¬≠men¬≠to de esgo¬≠to na regi√£o em 2.800 litros por segun¬≠do, pas¬≠san¬≠do dos atu¬≠ais 4.600 litros por segun¬≠do para 7.400 litros/segundo em 2022.

Novo Rio Pin­heiros

A cole¬≠ta e o trata¬≠men¬≠to de esgo¬≠to for¬≠mam um dos eixos do Novo Rio Pin¬≠heiros, pro¬≠gra¬≠ma coor¬≠de¬≠na¬≠do pela SIMA que con¬≠tem¬≠pla ain¬≠da a√ß√Ķes de desas¬≠sore¬≠a¬≠men¬≠to e apro¬≠fun¬≠da¬≠men¬≠to do rio, cole¬≠ta e des¬≠ti¬≠na√ß√£o dos res√≠¬≠du¬≠os s√≥li¬≠dos, revi¬≠tal¬≠iza¬≠√ß√£o das mar¬≠gens e edu¬≠ca√ß√£o ambi¬≠en¬≠tal. Tam¬≠b√©m haver√° a√ß√Ķes para ori¬≠en¬≠tar os moradores a faz¬≠er a conex√£o de seus im√≥veis √† rede de esgo¬≠to dispon√≠v¬≠el, como deter¬≠mi¬≠na a leg¬≠is¬≠la√ß√£o.

Em áreas de alta vul­ner­a­bil­i­dade social, a conexão poderá ser fei­ta nos moldes do Se Liga na Rede, pro­gra­ma da Sabe­sp que exe­cu­ta obras gra­tuita­mente den­tro de imóveis de famílias de baixa ren­da, per­mitin­do que as casas sejam lig­adas à rede de cole­ta de esgo­to.

PUBLICIDADE