PUBLICIDADE

1.0 - RADARbrasil

60 mandados de prisão são cumpridos contra tráfico internacional de cocaína

 

A Pol√≠cia Federal, em conjunto com Receita Federal, cumpre 60 mandados de pris√£o em seis estados nesta ter√ßa-feira (10) contra o tr√°fico internacional de coca√≠na por portos de Santa Catarina. As a√ß√Ķes, batizadas de Oceano Branco e Contentor, fazem parte de investiga√ß√Ķes que j√° levaram √† apreens√£o de mais de 10 toneladas de drogas no Brasil e Europa.

Cerca de 450 policiais federais e 25 servidores da Receita cumprem 104 mandados de busca e apreens√£o, 45 mandados de pris√£o preventiva, 15 de pris√£o tempor√°ria, 12 condu√ß√Ķes coercitivas, sequestros de bens m√≥veis e im√≥veis e bloqueio de contas banc√°rias em Santa Catarina, Rio Grande do Sul, S√£o Paulo, Pernambuco, Para√≠ba e Rio de Janeiro.

  • S√£o duas opera√ß√Ķes, Oceano Branco e Contento
  • S√£o cumpridas 176 ordens judiciais, sendo 60 mandados de pris√£o
  • As investiga√ß√Ķes ocorrem desde 2016 e j√° levaram √† apreens√£o de mais de 10 toneladas de coca√≠na no Brasil e Europa

Parte dos mandados de pris√£o foi cumprida em Santos, no litoral paulista.

De acordo com a PF, as quadrilhas atuam de forma parecida, colocando as drogas em contêineres com mercadorias lícitas a serem exportadas, geralmente, para países europeus.

Os suspeitos poderão ser indiciados pelos crimes de tráfico e associação ao tráfico internacional de entorpecentes, falsificação de documentos e uso de documentos falsos.

Contentor

A Pol√≠cia Federal em Joinville iniciou a opera√ß√£o Opera√ß√£o Contentor no final do anos passado. Desde ent√£o, foram feitas cinco grandes apreens√Ķes de drogas, inclusive na B√©lgica, somando cerca de duas toneladas de coca√≠na.

“No curso da investiga√ß√£o, apurou-se que o entorpecente era adquirido em regi√£o de fronteira, notadamente com a Bol√≠via, e entrava no Brasil em pequenos avi√Ķes que pousavam no aeroclube de S√£o Francisco do Sul (SC). De l√°, era levado para ch√°caras onde era acondicionado em grandes bolsas para posterior inser√ß√£o em cont√™ineres que sairiam pelo Porto de Itapo√°”, afirma a PF.

As ordens judiciais s√£o cumpridas em Joinville (SC), S√£o Francisco do Sul (SC), Itapo√° (SC), Garuva (SC), Santos (SP), S√£o Paulo (SP), Recife (PE), Jo√£o Pessoa (PB) e Rio de Janeiro (RJ).

Oceano Branco

Desde mar√ßo de 2016, a Opera√ß√£o Oceano Branco, investigada pela Pol√≠cia Federal em Itaja√≠, apreendeu seis toneladas de coca√≠na em 12 a√ß√Ķes, seis no Brasil e seis na B√©lgica, Fran√ßa e Espanha.

“Al√©m das apreens√Ķes, foi poss√≠vel vincular a atua√ß√£o dos investigados a outros carregamentos interceptados por autoridades policiais na It√°lia, Dinamarca, Espanha, Ar√°bia Saudita e Turquia, totalizando outras 2,5 toneladas da droga”, informou a PF.

Conforme a investigação, três grupos criminosos embarcavam grande quantidades da droga em contêineres que partiam do Complexo Portuário Itajaí-Navegantes, escondida em cargas de mercadorias como bobinas de aço, abacaxi em latas e blocos de granito.

Os mandados s√£o cumpridos em Itaja√≠ (SC,) Balne√°rio Cambori√ļ (SC), Navegantes (SC), Itapema (SC), Penha (SC), Tijucas (SC), Florianopolis (SC), S√£o Francisco do Sul (SC), Joinville (SC) e Imb√© (RS).

 

 

 

 

Foto: Luiz Souza/NSC TV

Fonte: G1

PUBLICIDADE