economia

Vendas online de eletroeletrônicos geram faturamento 18% maior no primeiro semestre, afirma empresa

Compras de eletrodomésticos, eletrônicos e eletroportáteis totalizaram R$ 7,1 bilhões no período

Os brasileiros estão comprando mais eletroeletrônicos este ano. Dados do Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado focada em e-commerce, mostram que o faturamento dessa categoria* durante o primeiro semestre foi de R$ 7,1 bilhões, aumento nominal de 18% em relação ao mesmo período do ano passado. As indústrias estão atentas a esse crescimento de demanda e registraram aumento de 5% na produção desses itens em relação ao mesmo período de 2018, de acordo com dados da Eletros.

Se o aumento de um dígito na indústria já trouxe boas perspectivas, o incremento de dois dígitos no consumo desses itens traz aos varejistas digitais motivos de sobra para comemorar.

“Os itens de maior valor agregado ainda representam a maior parte do consumo na internet. A possibilidade de comparar preços, visualizar informações detalhadas sobre produtos e economizar, incentivam o consumidor a realizar compras de eletroeletrônicos através do comércio eletrônico.”, afirma André Dias, diretor executivo do Compre&Confie.

Ao todo, foram realizados 10,2 milhões de pedidos de compra online dessa categoria no período (aumento de 15% em relação ao mesmo período de 2018) e o tíquete médio registrado foi de R$ 701,00, 2% maior do que o do primeiro semestre do ano passado.

*Foram considerados como “eletroeletrônicos” para o levantamento: Eletrodomésticos, Eletrônicos e Eletroportáteis

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista