entretenimentoesporte

Veja astros estrangeiros que podem ser uma boa para o seu clube em 2018

Em junho de 2012, o Botafogo surpreendeu a todos ao se reforçar com Clarence Seedorf. Veterano de uma Copa do Mundo e três Eurocopas, ex-Real Madrid, Inter de Milão e Milan, o meia holandês era um daqueles jogadores que ninguém imaginava atuando no Brasil.

Desde então, vários clubes tentaram reproduzir a fórmula de trazer ao país estrelas estrangeiras consagradas no futebol europeu, ainda que em fim de carreira, mas ninguém conseguiu.

O Atlético-MG chegou a anunciar o francês Nicolas Anelka. O Corinthians passou semanas negociando com o marfinense Didier Drogba. E o Palmeiras sonhou com o italiano Alessandro del Piero.

Apesar das falhas nas três tentativas citadas acima, trazer um astro do primeiro escalão mundial para o futebol brasileiro não é tarefa impossível. E o caso Seedorf é a melhor prova disso.

Por isso, listamos cinco estrelas internacionais que poderiam tranquilamente jogar no Brasil em 2018. Quem sabe o dirigente do seu clube de coração não se atreve a tentar uma contratação fora dos padrões…

SAMUEL ETO’O
Atacante, 36 anos
Camaronês – Antalyaspor (TUR)

 - REVISTA MAISJR

Eleito o terceiro melhor jogador do mundo em 2005 e um dos grandes nomes da história do futebol africano, o ex-atacante de Barcelona e Inter de Milão vem namorando um contrato no Brasil desde que participou de um jogo festivo em Ribeirão Preto no fim de 2015. Atualmente no Antalyaspor, quinto colocado do Campeonato Turco, o camaronês chegou a negociar com o Vasco no começo do mês e também foi oferecido ao Grêmio.

IKER CASILLAS
Goleiro, 36 anos
Espanhol – Porto (POR)

 - REVISTA MAISJR

Capitão da seleção espanhol na conquista da Copa do Mundo-2010 e dono da meta do Real Madrid por mais de 15 anos, o vitorioso goleiro foi parar no banco de reservas do Porto nesta temporada e dificilmente continuará em Portugal depois de junho, quando termina seu contrato. Caminhando para a reta final de sua carreira, Casillas pode ser seduzido pela ideia de atuar do outro lado do Atlântico e em um destino pouco comum para jogadores europeus.

FERNANDO TORRES
Atacante, 33 anos
Espanhol – Atlético de Madri (ESP)

 - REVISTA MAISJR

Após a confirmação da suspensão por doping de Paolo Guerrero, o Flamengo chegou a considerar a possibilidade de contratar o finalista do prêmio de melhor jogador do mundo de 2008 (ficou na terceira posição). Realmente, a situação de Fernando Torres na Espanha não é das melhores. O atacante só foi titular do Atlético de Madri em oito jogos da atual temporada e viu seu espaço com Simeone diminuir ainda mais depois que Diego Costa foi liberado para voltar aos gramados, no início do mês.

DIMITAR BERBATOV
Atacante, 36 anos
Búlgaro – Kerala Blasters (IND)

 - REVISTA MAISJR

Um dos centroavantes mais temidos do futebol europeu na década passada, o búlgaro fez sucesso com as camisas de Bayer Leverkusen, Tottenham e Manchester United. Após um ano afastado do futebol profissional, Berbatov assinou contrato em agosto para disputar a Superliga Indiana pelo Kerala Blasters. No entanto, o atacante não deve continuar na Ásia para a segunda metade da temporada e está à procura de um novo clube.

JOE COLE
Meia-atacante, 36 anos
Inglês – Tampa Bay Rowdies (EUA)

 - REVISTA MAISJR

Um dos jogadores ingleses mais habilidosos e criativos das últimas décadas, o ex-meia do Chelsea sofreu demais com os problemas físicos e não conseguiu manter um futebol de alto nível por muito tempo. Essa situação levou Joe Cole para os Estados Unidos dois anos atrás. Capitão do Tampa Bay Rowdies, que disputa a USL (United Soccer League), uma espécie de segundo escalão do futebol profissional nos EUA, Cole se livrou das lesões, recuperou a boa forma e está pronto para novos desafios.

Fonte: Uol

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista