PUBLICIDADE

brasil

Soro hiperimune para tratar a Covid-19 é estudado em Universidade do RJ

Pesquisadores do Insti­tu­to Vital Brazil e da Uni­ver­si­dade Fed­er­al do Rio de Janeiro (UFRJ) estão estu­dan­do um soro hiper­imune que pode tratar a covid-19. Esse medica­men­to é do mes­mo tipo daque­les usa­dos con­tra a rai­va e con­tra pic­a­da de ani­mais peçon­hen­tos.

O soro é feito a par­tir do plas­ma san­guí­neo de cav­a­l­os. No caso dos soros antive­neno, o sangue equino pro­duz agentes de defe­sa con­tra a tox­i­na inoc­u­la­da no cor­po. A par­tir desse plas­ma com anti­cor­pos, é cri­a­do o soro.

O mes­mo proces­so é usa­do no soro con­tra a rai­va, apli­ca­do em pes­soas que pos­sivel­mente tiver­am con­ta­to com o vírus e que impede que o agente viral se man­i­feste no cor­po do infec­ta­do.

No estu­do con­tra o novo coro­n­avírus, a UFRJ iso­lará e ina­ti­vará o vírus, para que ele pos­sa começar a ser inoc­u­la­do em cav­a­l­os do Insti­tu­to Vital Brazil. O teste começa na próx­i­ma quar­ta-feira (27).

‚ÄúJ√° vimos em muitas pesquisas real¬≠izadas pelo mun¬≠do em que o trata¬≠men¬≠to a par¬≠tir do plas¬≠ma de pes¬≠soas curadas da covid-19 teve efeito pos¬≠i¬≠ti¬≠vo no trata¬≠men¬≠to de infec¬≠ta¬≠dos em esta¬≠do grave. A ideia √© faz¬≠er um exper¬≠i¬≠men¬≠to ago¬≠ra a par¬≠tir do plas¬≠ma de cav¬≠a¬≠l¬≠os, para que pos¬≠sa ser pro¬≠duzi¬≠do em grande escala‚ÄĚ, afir¬≠ma o pres¬≠i¬≠dente do insti¬≠tu¬≠to, Adil¬≠son Sto¬≠let.

Caso os resul­ta­dos sejam promis­sores, daqui a qua­tro meses o soro poderá ser tes­ta­do em humanos. Em seis meses, seria pos­sív­el pro­duzir o solo em grande escala. A capaci­dade do insti­tu­to é de pro­duzir até 100 mil trata­men­tos por ano.

Out­ra pesquisa do Vital estu­da anti­cor­pos e DNA de lhamas. Com os dois estu­dos, é pos­sív­el apos­tar no proces­so que der resul­ta­dos mais rápi­dos.

Fonte: Agên­cia Brasil

PUBLICIDADE