4.0 // manual4.2 // saúde

Não esqueça seus medicamentos!

Na hora de se planejar para viagens, é comum que o turista se preocupe com hospedagem, as malas e passagens, mas poucos se preparam para uma possível reação alérgica ou uma inflamação na garganta, a não ser que você seja mãe. A situação fica ainda mais grave quando se está em outros países, com mil quilômetros de distância do Brasil, onde o idioma e a escrita são distintos. Além dessas diferenças, alguns medicamentos com princípios ativos comuns têm nomes tão díspares que existe até um livro nas drogarias para ajudar na identificação. Do mesmo modo, há remédios com concentrações diferentes e que precisam de receituário. Pensando no bem-estar do brasileiro, a Melhor Farmácia elencou as principais medicações para aproveitar o evento sem apuros.

“Não é em todo lugar que existe grande oferta de farmácias 24 horas e a consulta com um médico no exterior pode ser extremamente cara. E, em um lugar desconhecido onde a maioria das pessoas não falam inglês ou espanhol, fica mais difícil explicar os sintomas”, comenta Thiago Colombo, fundador da plataforma comparadora de preços Melhor Farmácia.


Para saber um pouco mais sobre o assunto, acesse nosso site Enjoy Trip 

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista