InovaçãoStartups

Desafio de Startups Petrobras seleciona dez projetos inovadores

Dez empresas em estágio inicial foram selecionadas pelo Desafio de Startups Petrobras Distribuidora para desenvolver projetos inovadores para os segmentos de atuação da Companhia, contemplando três vertentes: Mobilidade para Pessoas, Mobilidade para Negócios e Sustentabilidade. Cada startup vai receber R$ 150 mil e terá prazo máximo de 12 meses para implementar a solução proposta. A lista completa das vencedoras está em www.editaldeinovacao.com.br

As startups – dos estados do RJ, RS, PE, PR, SC, MG e SP – terão acompanhamento de mentores da Petrobras Distribuidora e dos Institutos Senai de Inovação durante todo o processo de desenvolvimento e implementação dos projetos, podendo utilizar os laboratórios e a infraestrutura dos institutos. Os trabalhos devem ter início na primeira quinzena de janeiro de 2019.

Integrando o Edital de Inovação para a Indústria – uma iniciativa do SENAI, Sebrae e SESI lançada em meados de junho – o Desafio de Startups Petrobras Distribuidora recebeu inscrições de 107 startups, de 13 estados e do DF, que apresentaram 117 ideias. Podiam participar empresas de micro ou pequeno porte (MPE), desde que tivessem CNPJ ativo com até cinco anos de existência e competência técnica em tecnologias digitais, como Internet das Coisas (IoT), Realidade Aumentada e Virtual, Inteligência Artificial, Big Data.

O Desafio exigiu muito dos participantes. As empresas candidatas tiveram que ultrapassar duas etapas de seleção rigorosas. As equipes da BR, que se prepararam para as interações e desenvolvimento conjunto com as startups,  percorreram cidades em apresentações sobre as complexas áreas de atuação da Companhia.

“O resultado foi bastante positivo, tanto pelo grande interesse despertado quanto pela qualidade das propostas”, avalia Aspen Andersen, gerente executivo de TI da Petrobras Distribuidora. “Com essa iniciativa, a BR integra-se ao ecossistema de inovação, buscando a agilidade das startups e atendendo aos desafios do negócio, contribuindo para a promoção da cultura inovadora, que é uma das marcas da companhia”, afirma.

Na primeira temática, Mobilidade para Pessoas, foram selecionados projetos que potencializam negócios de varejo aplicáveis em postos de combustíveis, lojas de conveniência e centros de lubrificação; já para o segmento B2B, inserido na temática Mobilidade para Negócios, os que visam aprimorar o relacionamento com clientes do segmento industrial e de aviação, além da maximização da eficiência operacional; e para a terceira temática, Sustentabilidade, os que buscam mitigar o impacto das atividades na segurança das operações e no meio ambiente.

Foto: Divulgação

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista