3.1 // tecnologia5.0 // maquinas

Cinco fatos que explicam a evolução dos smartwatches

Por José Braga

 - REVISTA MAISJR

Da mesma forma que aconteceu com os smartphones, o mercado de smartwatches deixou de ser artigo de luxo e tornou-se mais acessível à população. Dessa forma, tem tudo para crescer e se consolidar como item tecnológico essencial em um futuro próximo. Uma pesquisa conduzida pela IDC, por exemplo, mostra que os smartwatches devem liderar o segmento dos “vestíveis” em 2022, com 38,3% do mercado e crescimento médio anual de 17,9% até lá. Parece uma realidade improvável atualmente, mas essa categoria dá sinais de amadurecimento ao incorporar novos recursos diariamente. Confira cinco fatos que explicam porque deve crescer e se popularizar ainda mais nos próximos anos.

Combinação de estilo e tecnologia

Mais do que utilitários, os relógios são acessórios da moda. Diversos modelos possuem design diferenciados, metais preciosos e até possuem grifes específicas. No caso dos smartwatches, a estética alia-se à tecnologia, ampliando todas as possibilidades. Além do visual futurista, é possível mudar a aparência da tela da mesma forma como trocamos o papel de parede do computador, por exemplo.

 Alta conectividade

Os relógios inteligentes levam a conectividade possibilitada pelos smartphones a um outro patamar. Já existem aplicativos que controlam diversos eletrodomésticos da casa, como cafeteiras e lava-louças, e até mesmo a iluminação pode ser controlada por meio de toques na tela do dispositivo. Também é possível ler e-mails, visualizar notícias, chamar um transporte, visualizar redes sociais, entre outros pontos.

Possibilidade de ligações

Receber chamadas telefônicas não é mais exclusividade dos celulares. Hoje, os smartwatches já conseguem atender ligações recebidas no celular – basta deixar os dois aparelhos conectados via bluetooth, por exemplo. No futuro, a tendência é o relógio inteligente ter autonomia para não só atender, mas fazer as próprias chamadas sem ter o suporte dos smartphones.

Pagamentos

Assim como já é possível atender uma ligação sem tirar o celular do bolso, o smartwatches é capaz de fazer pagamentos sem o uso do cartão. Os sistema de pagamento móvel, como Apple Pay e Samsung Pay, já são uma realidade em grande parte do planeta. Assim, basta cadastrar seu cartão de crédito ou débito no relógio e, quando encontrar uma loja credenciada, aproximá-lo da máquina de cartão para efetuar a compra.

 Organização de rotina

É inegável o poder que o relógio possui em nossa rotina: sempre que podemos, conferimos as horas mostradas pelos ponteiros. Imagine isso potencializado com a combinação entre marcação de tempo, agenda, tarefas e notificações. Com o smartwatch, o usuário pode sincronizar todos os afazeres do dia de acordo com o seu horário e programar alertas e aviso de notificações para lembrá-lo ao longo do dia.

Fotos: Divulgação

 

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista