PUBLICIDADE

mundo

Ap√≥s checagem de seus tu√≠tes, Trump amea√ßa ‚Äėfechar‚Äô redes sociais 

O pres¬≠i¬≠dente amer¬≠i¬≠cano amea√ßou ‚Äúreg¬≠u¬≠la¬≠men¬≠tar forte¬≠mente‚ÄĚ, ou ‚Äúfechar‚ÄĚ as redes soci¬≠ais, depois que o Twit¬≠ter clas¬≠si¬≠fi¬≠cou dois de seus posts como ‚Äúenganosos‚ÄĚ e os tra¬≠tou como dis¬≠sem¬≠i¬≠nadores de infor¬≠ma√ß√Ķes n√£o ver¬≠i¬≠fi¬≠cadas sobre o voto por cor¬≠re¬≠spond√™n¬≠cia. Essa √© a primeira vez que a rede social preferi¬≠da de Trump checa suas posta¬≠gens.

‚ÄúOs repub¬≠li¬≠canos acham que as platafor¬≠mas de m√≠dia social silen¬≠ci¬≠am com¬≠ple¬≠ta¬≠mente as vozes con¬≠ser¬≠vado¬≠ras. Vamos reg¬≠ul√°-las forte¬≠mente, ou vamos fech√°-las, em vez de per¬≠mi¬≠tir que algo assim acon¬≠te√ßa‚ÄĚ, tuitou o pres¬≠i¬≠dente.

A rede social desta­cou dois tuítes de Don­ald Trump pub­li­ca­dos na terça-feira (26). Nos posts, o pres­i­dente amer­i­cano dizia, sem provas, que o voto por cor­re­spondên­cia levaria a fraudes.

‚ÄúN√£o h√° como o voto pelo cor¬≠reio ser difer¬≠ente de algo sub¬≠stan¬≠cial¬≠mente fraud¬≠u¬≠len¬≠to‚ÄĚ, escreveu o repub¬≠li¬≠cano. Abaixo das posta¬≠gens, o Twit¬≠ter pos¬≠tou um ‚Äúlink‚ÄĚ que diz: ‚ÄúObten¬≠ha infor¬≠ma√ß√Ķes sobre o voto pelo cor¬≠reio. N√£o h√° nen¬≠hu¬≠ma pro¬≠va que esse tipo de vota√ß√£o seja fraud¬≠u¬≠len¬≠to‚ÄĚ. A ini¬≠cia¬≠ti¬≠va √© in√©di¬≠ta para a rede social, que por muito tem¬≠po resis¬≠tiu aos ape¬≠los para cen¬≠surar o pres¬≠i¬≠dente amer¬≠i¬≠cano por posta¬≠gens que desafi¬≠am a ver¬≠dade.

Trump voltou √† car¬≠ga quar¬≠ta-feira: ‚ÄúN√£o podemos per¬≠mi¬≠tir que o voto por cor¬≠re¬≠spond√™n¬≠cia se enra√≠ze no pa√≠s. Seria a por¬≠ta aber¬≠ta para a fraude, as fal¬≠si¬≠fi¬≠ca√ß√Ķes e rou¬≠bos de c√©du¬≠las‚ÄĚ. ‚ÄúQuem tra¬≠pacear mais, gan¬≠ha‚ÄĚ, escreveu o pres¬≠i¬≠dente em uma s√©rie de novos tu√≠tes em que pediu tam¬≠b√©m √† rede social para ‚Äúlimpar‚ÄĚ o que ela fez.

Inter¬≠fer¬≠√™n¬≠cia nas elei√ß√Ķes

A cor¬≠re¬≠spon¬≠dente da RFI em Wash¬≠ing¬≠ton, Anne Cor¬≠pet, rela¬≠ta que a respos¬≠ta do pres¬≠i¬≠dente amer¬≠i¬≠cano foi ime¬≠di¬≠a¬≠ta. Can¬≠dida¬≠to a reelei√ß√£o em novem¬≠bro, Don¬≠ald Trump acu¬≠sou a empre¬≠sa ‚Äúde ten¬≠tar inter¬≠ferir na pres¬≠i¬≠den¬≠cial de 2020‚ÄĚ. ‚ÄúTwit¬≠ter est√° ten¬≠tan¬≠do impedir a liber¬≠dade de express√£o e, enquan¬≠to pres¬≠i¬≠dente, n√£o per¬≠mi¬≠tirei isso!‚ÄĚ, amea√ßou.

Trump tam¬≠b√©m denun¬≠ciou as ten¬≠ta¬≠ti¬≠vas de inter¬≠fer¬≠√™n¬≠cia das redes soci¬≠ais nas √ļlti¬≠mas elei√ß√Ķes: ‚ÄúVimos o que ten¬≠taram faz¬≠er e fra¬≠cas¬≠saram em 2016‚ÄĚ. ‚ÄúN√£o podemos per¬≠mi¬≠tir que volte a acon¬≠te¬≠cer uma ver¬≠s√£o mais sofisti¬≠ca¬≠da dis¬≠so‚ÄĚ, acres¬≠cen¬≠tou.

Trump votou duas vezes por cor­re­spondên­cia

Des¬≠de o in√≠¬≠cio de abril, o chefe da Casa Bran¬≠ca faz cam¬≠pan¬≠ha con¬≠tra o voto por cor¬≠re¬≠spond√™n¬≠cia, que √© ado¬≠ta¬≠do por um n√ļmero cres¬≠cente de esta¬≠dos amer¬≠i¬≠canos para evi¬≠tar uma nova onda de con¬≠t¬≠a¬≠m¬≠i¬≠na√ß√Ķes do coro¬≠n¬≠av√≠rus. A orga¬≠ni¬≠za¬≠√ß√£o da elei√ß√£o √© de respon¬≠s¬≠abil¬≠i¬≠dade dos esta¬≠dos e o pres¬≠i¬≠dente j√° amea√ßou cor¬≠tar os fun¬≠dos fed¬≠erais de Michi¬≠gan e Neva¬≠da se eles adotarem tam¬≠b√©m esse tipo de vota√ß√£o.

O con¬≠tra¬≠dit√≥rio √© que, pes¬≠soal¬≠mente, Don¬≠ald Trump, recor¬≠reu ao voto pelo cor¬≠reio nas elei√ß√Ķes leg¬≠isla¬≠ti¬≠vas de 2018 e na primeira prim√°ria repub¬≠li¬≠cana do √ļlti¬≠mo m√™s de mar√ßo.

H√° muito tem¬≠po, o pres¬≠i¬≠dente usa o Twit¬≠ter como uma platafor¬≠ma para dis¬≠sem¬≠i¬≠nar insul¬≠tos, teo¬≠rias con¬≠spir¬≠at√≥rias e infor¬≠ma√ß√Ķes fal¬≠sas para seus 80 mil¬≠h√Ķes de seguidores. Antes de ser eleito em 2016, ele con¬≠stru¬≠iu sua mar¬≠ca pol√≠ti¬≠ca apoian¬≠do a men¬≠ti¬≠ra de que Barack Oba¬≠ma, o primeiro pres¬≠i¬≠dente negro dos Esta¬≠dos Unidos, n√£o havia nasci¬≠do no pa√≠s. N√£o seria, por¬≠tan¬≠to, eleg√≠v¬≠el para ser pres¬≠i¬≠dente. Recen¬≠te¬≠mente, provo¬≠cou mais uma tem¬≠pes¬≠tade ao espal¬≠har o boa¬≠to infun¬≠da¬≠do de que o apre¬≠sen¬≠ta¬≠dor de tele¬≠vis√£o da MSNBC, Joe Scar¬≠bor¬≠ough, havia assas¬≠si¬≠na¬≠do uma assis¬≠tente.

Por: RFI

PUBLICIDADE