PUBLICIDADE

s√£o paulo

Polícia Civil transporta órgão para transplante com novo helicóptero apreendido do trafico

Usando um helicóptero retirado do tráfico de drogas, a Polícia Civil transportou um coração com segurança e rapidez para um transplante que ocorreu no Hospital da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), no interior do Estado.
A opera√ß√£o foi realizada por equipes do Servi√ßo Aerot√°tico (SAT) do Departamento de Opera√ß√Ķes Policiais Estrat√©gicas (Dope) com o uso do helic√≥ptero Esquilo AS350 B2. A equipe embarcou no heliponto do emiss√°rio de Santos √†s 14h00 e, em menos de 40 minutos pousou no heliponto do Hospital da Unicamp em Campinas.
As condi√ß√Ķes meteorol√≥gicas n√£o eram boas devido a uma frente fria que avan√ßava e encobria a Serra do Mar. Contudo, o transporte foi feito com visibilidade reduzida, dentro dos par√Ęmetros de seguran√ßa.

Reutilização de ativos

O helic√≥ptero utilizado no transporte foi apreendido pela Delegacia de Investiga√ß√Ķes Sobre Entorpecentes (Dise) de Americana, em 2018. Ap√≥s manuten√ß√£o e adesiva√ß√£o, a aeronave come√ßou a ser utilizada em opera√ß√Ķes policiais e transporte de √≥rg√£os.
‚Äú√Č uma sensa√ß√£o de justi√ßa. Agrada muito o policial e a sociedade t√™m um retorno direto‚ÄĚ, salientou o delegado Jo√£o Eduardo Felipe, piloto que fez o transporte do cora√ß√£o.
Desde o in√≠cio da atual gest√£o, a Pol√≠cia Civil j√° recuperou 1,5 bilh√£o em ativos, oriundos de apreens√Ķes em a√ß√Ķes contra o crime organizado, em especial, contra o tr√°fico de drogas.