PUBLICIDADE

s√£o paulo

Novas doses da vacina da √ćndia j√° est√£o na Fiocruz

A remessa de 2 milh√Ķes de doses da vacina Oxford/AstraZeneca contra covid-19 j√° est√° no Instituto de Tecnologia em Imunobiol√≥gicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz) onde ir√° passar por confer√™ncia de temperatura e integridade da carga, receber etiquetas com informa√ß√Ķes em portugu√™s e ter amostras encaminhadas para an√°lise de protocolo e libera√ß√£o pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Sa√ļde (INCQS/Fiocruz).

O processo ocorrer√° ao longo desta ter√ßa-feira (23), e a previs√£o √© que as doses estejam prontas ainda na madrugada desta quarta-feira (24). Ap√≥s esse processo, elas ser√£o entregues ao Minist√©rio da Sa√ļde.

O avi√£o com o imunizante vindo do Instituto Serum, na √ćndia,¬†aterrizou¬†nesta manh√£ no Aeroporto Internacional de Guarulhos, na Grande S√£o Paulo.

O material já veio pronto para ser aplicado e será apenas rotulado na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A importação de doses prontas é uma estratégia paralela à produção de imunizantes a partir da chegada do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), para acelerar o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a covid-19.

Mais 8 milh√Ķes de doses est√£o previstas pelo acordo com os parceiros AstraZeneca e Instituto Serum, mas ainda n√£o h√° data prevista para o recebimento. Em janeiro deste ano, a Fiocruz j√° havia recebido 2 milh√Ķes de doses da vacina.

Capital fluminense

Com a vacina√ß√£o da primeira dose suspensa desde a quarta-feira (17), a prefeitura do Rio de Janeiro ainda aguarda a confirma√ß√£o da quantidade de doses a serem encaminhadas pelo Minist√©rio da Sa√ļde nas pr√≥ximas remessas para redefinir o calend√°rio de vacina√ß√£o.

Edição: Nádia Franco

PUBLICIDADE