PUBLICIDADE

economia

Bolsa fecha acima de 100 mil pontos por primeira vez em quatro meses

Pela primeira vez em qua­tro meses, a bol­sa de val­ores fechou aci­ma dos 100 mil pon­tos. O índice Iboves­pa, da B3 (a bol­sa de val­ores brasileira), subiu 0,88% e fechou esta sex­ta-feira (10) aos 100.031 pon­tos.

O indi¬≠cador alcan√ßou o n√≠v¬≠el mais alto des¬≠de 6 de mar√ßo, cin¬≠co dias antes de a Orga¬≠ni¬≠za¬≠√ß√£o Mundi¬≠al da Sa√ļde dec¬≠re¬≠tar a pan¬≠demia de covid-19, quan¬≠do tin¬≠ha fecha¬≠do aos 102 mil pon¬≠tos. O Iboves¬≠pa seguiu a bol¬≠sa norte-amer¬≠i¬≠cana. O √≠ndice Dow Jones, da bol¬≠sa de Nova York, encer¬≠rou esta quar¬≠ta com alta de 1,44%.

No mer¬≠ca¬≠do de c√Ęm¬≠bio, hou¬≠ve forte volatil¬≠i¬≠dade. O d√≥lar com¬≠er¬≠cial abriu em alta. Na m√≠n¬≠i¬≠ma do dia, por vol¬≠ta das 9h40, chegou a ser ven¬≠di¬≠do a R$ 5,38. No in√≠¬≠cio da tarde, rever¬≠teu o movi¬≠men¬≠to e pas¬≠sou a cair, at√© fechar em R$ 5,324, com recuo de R$ 0,02 (-0,37%).

H√° v√°rias sem¬≠anas, mer¬≠ca¬≠dos finan¬≠ceiros em todo o plan¬≠e¬≠ta atrav¬≠es¬≠sam um per√≠o¬≠do de ner¬≠vo¬≠sis¬≠mo por causa da recess√£o glob¬≠al provo¬≠ca¬≠da pelo agrava¬≠men¬≠to da pan¬≠demia do novo coro¬≠n¬≠av√≠rus. Nos √ļlti¬≠mos dias, os inves¬≠ti¬≠men¬≠tos t√™m oscila¬≠do entre pos¬≠s√≠veis gan¬≠hos com o relax¬≠am¬≠en¬≠to de restri√ß√Ķes em v√°rios pa√≠s¬≠es da Europa e em regi√Ķes dos Esta¬≠dos Unidos e con¬≠tratem¬≠pos no com¬≠bate √† doen√ßa.

No Brasil, a divul¬≠ga√ß√£o da infla√ß√£o ofi¬≠cial em jun¬≠ho aju¬≠dou a segu¬≠rar o d√≥lar. O √ćndice Nacional de Pre√ßos ao Con¬≠sum¬≠i¬≠dor Amp¬≠lo (IPCA) subiu para 0,26% no m√™s pas¬≠sa¬≠do, depois de dois meses segui¬≠dos de √≠ndices neg¬≠a¬≠tivos. A alta nos pre√ßos diminui as press√Ķes para que o Ban¬≠co Cen¬≠tral con¬≠tin¬≠ue a cor¬≠tar a taxa Sel¬≠ic (juros b√°si¬≠cos da econo¬≠mia), isso reduz a fuga de cap¬≠i¬≠tais finan¬≠ceiros do pa√≠s.

Edição: Fábio Massalli/AB

PUBLICIDADE