2.0 // dossiê2.5 // brasil

Região Metropolitana do Rio terá operação das Forças Armadas

A Polícia Civil faz, nesta sexta-feira, uma operação no bairro Jardim Catarina, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio. A ação tem a cooperação das Forças Armadas e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e começou durante a madrugada.

De acordo com a Secretaria de Segurança do Rio (Seseg), os militares estão responsáveis pelo cerco e pela retirada de barricadas do tráfico. Os policiais civis visam a cumprir mandados de prisão. Um helicóptero da PRF sobrevoa a área. Ao todo, são 1.170 agentes participando da operação.

Por causa da ação, algumas ruas e acessos ao Jardim Catarina podem ser interditados. Caso seja necessário, pode ainda haver restrição no espaço aéreo para aeronaves civis. Não há interferência nas operações dos aeroportos.

O Comando Militar do Leste (CML) pede para quem tenha denúncias a fazer sobre traficantes do Jardim Catarina, que entre em contato com o WhatsApp da 74ª DP (Alcântara): (21) 96886-2700. Panfletos com o número estão sendo distribuídos para os moradores do Jardim Catarina.

Os presos durante a operação serão o encaminhados para a 74ª DP. Até as 7h50, um homem havia sido detido por agentes da PRF.

De acordo com o aplicativo Fogo Cruzado, em fevereiro São Gonçalo foi o segundo município do Estado do Rio onde mais ocorreram tiroteios e homicídios, só perdendo para a capital. Foram 70 confrontos e 32 mortos.

Moradores se queixam de violência

Moradores afirmaram que o Jardim Catarina já foi um bairro mais tranquilo. Atualmente, segundo eles, está mais comum a ocorrência de assaltos na região. O tráfico também controla localidades no bairro e os tiroteios são constantes. Com relação à operação desta sexta, o temor de quem vive no local é de confrontos.

— O medo é de bala perdida. O problema é ficar no meio de um tiroteio caso aconteça algum. Já deixei avisado para a minha filha não sair de casa, nem os avós dela — disse uma moradora.

Outra contou que sentiu medo ao sair para pegar o ônibus e se deparar com as Forças Armadas na ruas:

— Chama muito a atenção acordar e sair para trabalhar e ver isso tudo aqui do lado de fora.

Fonte: Extra

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista