política

Discurso da ministra Damares Alves sobre cor e gênero repercute nas redes sociais

 - REVISTA MAISJR

Foto: Wilson Dias / Agência Brasil

“É uma nova era no Brasil. Menino veste azul e menina veste rosa”. A declaração da nova ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, continua sendo assunto no Brasil e no mundo. Ela que é advogada e pastora evangélica, foi alvo de famosos, empresários e internautas que reagiram contrários à frase pronunciada em vídeo gravado na sua cerimônia de posse em Brasília.

Após o vídeo ter viralizado, os internautas usaram as redes sociais para discutirem a afirmação. No Twitter, a hashtag #CorNãoTemGênero se tornou um dos assuntos mais comentados do Brasil. Algumas empresas aproveitaram o momento para se posicionarem e, ao mesmo tempo, investirem na publicidade das suas marcas, como uma marca de chiclete, que fez uma brincadeira com as embalagens de hortelã (azul) e de tutti-frutti (rosa).

Famosos demonstraram repúdio à declaração com textos e fotos. Angélica e Luciano Huck, por exemplo, publicaram uma foto com a legenda: “Rosa ou Azul?  Tanto faz”. A  cozinheira, empresária e chef de cozinha, Paola Carosella, ironizou a situação: “Meninos azul e meninas rosa. Que bonito. Era tão fácil de resolver. Como não reparamos antes! Era só comprar a roupa da cor certa!”. Outros atores e jornalistas também se manifestaram, como Monica Iozzi, Bruno Gagliasso, Fernanda Gentil e Fátima Bernardes.

Devido à repercussão, Damares Alves se defendeu das críticas e explicou seu objetivo ao fazer essa declaração. “Fiz uma metáfora contra a ideologia de gênero, mas meninos e meninas podem vestir azul, rosa, colorido, enfim, da forma que se sentirem melhores”, declarou a ministra, por meio de sua assessoria.

Na cerimônia de posse, ela ainda afirmou que governará com princípios cristãos e a família será prioridade. “O Estado é laico, mas esta ministra é terrivelmente cristã”, falou. “Acredito nos desígnios de Deus e propósitos de Deus”.

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista