PUBLICIDADE

eventos

‚ÄėCidade Invis√≠vel‚Äô: S√©rie da Netflix cria identidade pop para o folclore brasileiro

Quem cresceu com o¬†¬†‚ÄúS√≠tio do Picapau Amarelo‚ÄĚ na TV ou nos livros j√° tinha na cabe√ßa imagens bem definidas para muitas das lendas brasileiras. Com a s√©rie ‚ÄúCidade Invis√≠vel‚ÄĚ, da Netflix, que imagina esses personagens inseridos na atualidade, a no√ß√£o de folclore pode mudar para as pr√≥ximas gera√ß√Ķes. E isso significa ter menos medo da Cuca e do bicho-pap√£o!

Grande sucesso da plataforma, marca a estreia do diretor Carlos Saldanha no terreno do live-action. O carioca, que¬†¬†ficou conhecido pelas anima√ß√Ķes ‚ÄúA Era do Gelo‚ÄĚ e ‚ÄúRio‚ÄĚ, √© o showrunner da s√©rie, baseada em hist√≥ria de Raphael Draccon e Carolina Munh√≥z.

A trama é de fantasia, mas não deixa de enfatizar o quão reais são os efeitos do descaso com a natureza. Unindo as duas pontas do roteiro está o fiscal da polícia ambiental Eric (Marco Pigossi), que é arrastado para esse mundo mitológico, uma combinação de contos indígenas, africanos e europeus, depois de um crime bizarro. Saiba mais sobre os personagens.

TUTU MARAMB√Ā

Quem diria que Jimmy London, da extinta¬†¬†banda Matanza, viraria o terror noturno das crian√ßas? Na s√©rie, ele √© chamado apenas de Tutu e √© representado por um porco do mato,¬†¬†forma em que √© mais conhecido na Bahia. No entanto, essa ‚Äėfam√≠lia‚Äô inimiga do sono, que conta ainda com o Boi da Cara Preta e o bicho-pap√£o, tamb√©m √© descrita como uma sombra que castiga quem d√° trabalho para dormir. Sua hist√≥ria mistura elementos europeus e africanos.

Tutu e CamilaNetflix

IARA

Vers√£o nacional da figura bela, de voz encantadora, e que arrasta homens para o¬†¬†fundo das √°guas, a sereia da s√©rie se chama Camila (J√©ssica C√≥res), cantora na noite carioca. A m√£e d`√°gua nasceu da lenda da √≠ndia que¬†¬†sofre emboscada dos irm√£os, invejosos de sua intelig√™ncia. Ela os mata¬†¬†e, como puni√ß√£o, √© jogada por seu pai no encontro dos rios Negro e Solim√Ķes. Seu corpo √© trazido de volta das √°guas e ela assume sua metade peixe. Na vers√£o 2.0, a sereia¬†¬†busca vingan√ßa ao ser tra√≠da por um amor.

Camila de Cidade InvisívelNetflix

CURUPIRA

Interpretado por F√°bio Lago, o Curupira de ‚ÄúCidade Invis√≠vel‚ÄĚcansou da luta, deixou as matas e vive como um mendigo ranzinza e alco√≥latra pelas ruas do Rio, sob o codinome Iber√™. Sua cabeleira vermelho-fogo e os p√©s invertidos s√£o disfar√ßados por sacos pl√°sticos e uma cadeira de rodas. O personagem original surgiu de mitos ind√≠genas, mas acabou se misturando √†s hist√≥rias de duendes que guardam as florestas, comuns na Europa. Os p√©s para tr√°s, por exemplo, eram caracter√≠sticas comuns a seres descritos em hist√≥rias orais de l√° e teriam sido uma contribui√ß√£o da coloniza√ß√£o portuguesa na constru√ß√£o do personagem. Em algumas regi√Ķes do Brasil, √© conhecido como Caipora e, nesse caso, pode assumir a forma feminina.

Curupira Camila e SaciNetflix

BOTO

O ser que deixa as √°guas √† noite e seduz e engravida mulheres ganhou na s√©rie a alcunha de Manaus¬†¬†(Victor Sparapane), em alus√£o a suas ra√≠zes amaz√īnicas. √Č chave para todos os mist√©rios da trama.

BotoNetflix

CUCA

Alessandra Negrini √© t√£o poderosa que √© poss√≠vel que a jacar√© loura e c√īmica que representava a feiticeira no ‚ÄúS√≠tio‚ÄĚ seja esquecida.¬†¬†Na s√©rie, ela √© In√™s,¬†¬†l√≠der das lendas e simbolizada por borboletas. Al√©m do jacar√©, Cuca tamb√©m √© descrita no folclore europeu como uma bruxa horrorosa, que tamb√©m amedrontava os mais levados.

CucaNetflix

SACI

Assim como o Curupira,  o menino  danado de uma perna só, gorro vermelho e cachimbo na boca é um dos personagens mais queridos do nosso folclore. Na série, é vivido por Isac (Wesley Guimarães), um jovem marrento, que nem sempre pula de um pé só, graças a uma prótese, e mora em uma ocupação na Lapa. No Norte do país, ele era conhecido como um pássaro e, sob influência africana e europeia,  se transformou nesse símbolo de travessuras.

SaciDivulgação

ERIC

O protagonista da s√©rie mostra, a princ√≠pio, o lado c√©tico dos esfor√ßos de prote√ß√£o ambiental,¬†¬†simbolizada na¬†¬†press√£o que um vilarejo de pescadores sofre para deixar sua √°rea. Em seu segundo papel na Netflix (o primeiro foi na s√©rie australiana¬†¬†‚ÄúTidelands‚ÄĚ,¬†¬†de 2018), Marco Pigossi √© um pai de fam√≠lia lidando com uma perda tr√°gica, mostrada logo no in√≠cio¬†¬†do primeiro epis√≥dio. A rela√ß√£o com a filha Luna (Manu Dieguez)¬†¬†e uma sequ√™ncia de crimes¬†¬†estranhos o fazem mergulhar no fant√°stico universo das entidades folcl√≥ricas.

CORPO-SECO

At√© no reino folcl√≥rico h√° os vil√Ķes. Em ‚ÄúCidade Invis√≠vel‚ÄĚ, o mal √© personificado pelo Corpo-Seco. A gente n√£o pode dar spoiler, mas essa entidade incorpora em alguns personagens de ‚ÄúCidade Invis√≠vel‚ÄĚ. Tamb√©m conhecido como Unhudo,¬†¬†essa figura descreve uma pessoa que cometeu grande maldade e, ao morrer, ficou preso entre¬†¬†c√©u e inferno, j√° que at√© a terra recusa seu cad√°ver. Um dos poucos humanos a ter sabedoria sobre o assunto √© o pescador Ci√ßo (Jos√© Dumont, na foto acima).

*Por Angela Corrêa РMetro

PUBLICIDADE