PUBLICIDADE

1.0 - RADAR6.0 - ESTILO DE VIDAbrasilmundotecnologia

Aplicativo brasileiro para denuncia abusos e ataques a menores

Há cinco anos, o Brasil se preparava para receber três eventos de grande importância. Em 2013 acolheu a Copa das Federações, em 2014, a Copa do Mundo de futebol, e em 2016, os Jogos Olímpicos. Em tal cenário e ante a avalanche de visitantes que estavam para chegar, a Unicef se aliou com uma pequena empresa de software, a Ilhasoft, cujo objetivo era “mudar o mundo” e criaram o Proteja Brasil, um aplicativo que permite identificar e denunciar abusos e ataques a menores. A ferramenta está diretamente conectada com Dial 100, a linha de telefone de defesa dos direitos humanos do Governo Federal.

Entre as suas utilidades está a de indicar a localização de lugares de interesse, como delegacias, juizados de menores, embaixadas e prefeituras. O uso é totalmente anônimo e nem o Unicef nem os criadores do aplicativo têm um meio de conhecer a identidade do usuário. Permite denunciar todo tipo de agressão aos direitos dos menores: exploração infantil, maus-tratos físicos e psicológicos, abusos sexuais, etc. Mas também aqueles decorrentes do mundo digital, como o bullying e a pedofilia que se nutre das redes sociais.

Um total de 80% dos jovens entre 9 e 17 anos tem acesso à Internet, segundo os dados compilados pela organização.

 - REVISTA MAISJR

Fonte: El País

PUBLICIDADE