economiaViagens

Cresce aluguel por temporada em cidades fora do eixo turístico do Carnaval

 - REVISTA MAISJR

(Crédito: Pixabay) 

Com base nas reservas efetuadas até o dia último dia 25 de fevereiro, através da plataforma de aluguel Airnb, mais de 228 mil hóspedes (entre domésticos e internacionais) alugaram imóvel no país para o feriado do carnaval. Isso representa uma renda extra total de R$ 87,3 milhões aos anfitriões da plataforma.

De acordo com o diretor-geral do Airnb Brasil, Léo Tristão, o número de  hóspedes em cidades já conhecidas e relacionadas à data continua aumentando, mas o movimento em direção a locais fora do eixo tradicional também tem registrando aumento expressivo.  “Isso gera excelentes benefícios à economia local dessas comunidades, com a entrada de recursos para o comércio e os serviços. O crescimento da renda extra dos anfitriões também beneficia as cidades, pois parte dela retorna para a economia local”, avalia o diretor.

De acordo com levantamento da plataforma, o município de Três Corações, em Minas Gerais, lidera o ranking de chegadas de hóspedes em cidades mais afastadas dos grandes centros turísticos, com crescimento de 253% em relação a 2018. Assim como a cidade mineira, os demais locais são destinos fora do eixo carnavalesco.

Top 10 destinos nacionais fora do eixo tradicional que que mais cresceram em números de hóspedes no Carnaval:

1 – Três Corações, MG – 253%

2 – Paranaguá, PR – 168%

3 – Caxias do Sul, RS – 141%

4 – Jaboatão, PE – 110%

5 – Cavalcante, GO – 109%

6 – Olímpia, SP – 109%

7 – Caldas Novas, GO – 108%

8 – Mata de São João, BA – 107%

9 – Guaratuba, PR – 106%

10 – Sorocaba, SP – 102%

Destinos tradicionais

O levantamento mostra, ainda, que duas capitais vêm se firmando como destinos carnavalescos bastante procurados, devido às suas festas de rua cada vez mais populares:  Belo Horizonte, que cresceu 93% no número de chegada de hóspedes e espera receber, segundo dados da Prefeitura, mais de 4,6 milhões de turistas; e São Paulo, com 87% mais chegadas de hóspedes em relação a 2018.

Já entre os destinos nordestinos que mais cresceram no comparativo com o Carnaval do ano passado, estão Salvador, João Pessoa, Recife e Olinda. A capital baiana está com um número de chegadas de hóspedes 71% maior, até o momento. Já a capital paraibana registra 77% de aumento e as cidades pernambucanas cresceram 63% e 61%, respectivamente.

O Rio de Janeiro, um dos destinos mais tradicionais do país para o Carnaval, continua liderando a lista das cidades que receberão mais hóspedes na data. Atrás da capital fluminense estão Florianópolis, São Paulo, Guarujá e Ubatuba, São Sebastião, Salvador, Cabo Frio, Balneário Camboriú e Porto Belo.

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista