PUBLICIDADE

economiaviagem

Cresce aluguel por temporada em cidades fora do eixo turístico do Carnaval

 - REVISTA MAISJR

(Cr√©di¬≠to: Pix¬≠abay) 

Com base nas reser¬≠vas efe¬≠t¬≠u¬≠adas at√© o dia √ļlti¬≠mo dia 25 de fevereiro, atrav√©s da platafor¬≠ma de aluguel Airnb, mais de 228 mil h√≥s¬≠pedes (entre dom√©s¬≠ti¬≠cos e inter¬≠na¬≠cionais) alu¬≠garam im√≥v¬≠el no pa√≠s para o feri¬≠ado do car¬≠naval. Isso rep¬≠re¬≠sen¬≠ta uma ren¬≠da extra total de R$ 87,3 mil¬≠h√Ķes aos anfitri√Ķes da platafor¬≠ma.

De acor¬≠do com o dire¬≠tor-ger¬≠al do Airnb Brasil, L√©o Trist√£o, o n√ļmero de  h√≥s¬≠pedes em cidades j√° con¬≠heci¬≠das e rela¬≠cionadas √† data con¬≠tin¬≠ua aumen¬≠tan¬≠do, mas o movi¬≠men¬≠to em dire√ß√£o a locais fora do eixo tradi¬≠cional tam¬≠b√©m tem reg¬≠is¬≠tran¬≠do aumen¬≠to expres¬≠si¬≠vo.  ‚ÄúIsso gera exce¬≠lentes bene¬≠f√≠¬≠cios √† econo¬≠mia local dessas comu¬≠nidades, com a entra¬≠da de recur¬≠sos para o com√©r¬≠cio e os servi√ßos. O cresci¬≠men¬≠to da ren¬≠da extra dos anfitri√Ķes tam¬≠b√©m ben¬≠e¬≠fi¬≠cia as cidades, pois parte dela retor¬≠na para a econo¬≠mia local‚ÄĚ, avalia o dire¬≠tor.

De acor¬≠do com lev¬≠an¬≠ta¬≠men¬≠to da platafor¬≠ma, o munic√≠¬≠pio de Tr√™s Cora√ß√Ķes, em Minas Gerais, lid¬≠era o rank¬≠ing de chegadas de h√≥s¬≠pedes em cidades mais afas¬≠tadas dos grandes cen¬≠tros tur√≠s¬≠ti¬≠cos, com cresci¬≠men¬≠to de 253% em rela√ß√£o a 2018. Assim como a cidade mineira, os demais locais s√£o des¬≠ti¬≠nos fora do eixo car¬≠navale¬≠sco.

Top 10 des¬≠ti¬≠nos nacionais fora do eixo tradi¬≠cional que que mais cresce¬≠r¬≠am em n√ļmeros de h√≥s¬≠pedes no Car¬≠naval:

1 ‚ÄĒ Tr√™s Cora√ß√Ķes, MG ‚ÄĒ 253%

2 ‚ÄĒ Paranagu√°, PR ‚ÄĒ 168%

3 ‚ÄĒ Cax¬≠i¬≠as do Sul, RS ‚ÄĒ 141%

4 ‚ÄĒ Jaboat√£o, PE ‚ÄĒ 110%

5 ‚ÄĒ Cav¬≠al¬≠cante, GO ‚ÄĒ 109%

6 ‚ÄĒ Ol√≠mpia, SP ‚ÄĒ 109%

7 ‚ÄĒ Cal¬≠das Novas, GO ‚ÄĒ 108%

8 ‚ÄĒ Mata de S√£o Jo√£o, BA ‚ÄĒ 107%

9 ‚ÄĒ Guaratu¬≠ba, PR ‚ÄĒ 106%

10 ‚ÄĒ Soro¬≠ca¬≠ba, SP ‚ÄĒ 102%

Des­ti­nos tradi­cionais

O lev¬≠an¬≠ta¬≠men¬≠to mostra, ain¬≠da, que duas cap¬≠i¬≠tais v√™m se fir¬≠man¬≠do como des¬≠ti¬≠nos car¬≠navale¬≠scos bas¬≠tante procu¬≠ra¬≠dos, dev¬≠i¬≠do √†s suas fes¬≠tas de rua cada vez mais pop¬≠u¬≠lares:  Belo Hor¬≠i¬≠zonte, que cresceu 93% no n√ļmero de chega¬≠da de h√≥s¬≠pedes e espera rece¬≠ber, segun¬≠do dados da Prefeitu¬≠ra, mais de 4,6 mil¬≠h√Ķes de tur¬≠is¬≠tas; e S√£o Paulo, com 87% mais chegadas de h√≥s¬≠pedes em rela√ß√£o a 2018.

J√° entre os des¬≠ti¬≠nos nordes¬≠ti¬≠nos que mais cresce¬≠r¬≠am no com¬≠par¬≠a¬≠ti¬≠vo com o Car¬≠naval do ano pas¬≠sa¬≠do, est√£o Sal¬≠vador, Jo√£o Pes¬≠soa, Recife e Olin¬≠da. A cap¬≠i¬≠tal baiana est√° com um n√ļmero de chegadas de h√≥s¬≠pedes 71% maior, at√© o momen¬≠to. J√° a cap¬≠i¬≠tal paraibana reg¬≠is¬≠tra 77% de aumen¬≠to e as cidades per¬≠nam¬≠bu¬≠canas cresce¬≠r¬≠am 63% e 61%, respec¬≠ti¬≠va¬≠mente.

O Rio de Janeiro, um dos des¬≠ti¬≠nos mais tradi¬≠cionais do pa√≠s para o Car¬≠naval, con¬≠tin¬≠ua lid¬≠eran¬≠do a lista das cidades que rece¬≠ber√£o mais h√≥s¬≠pedes na data. Atr√°s da cap¬≠i¬≠tal flu¬≠mi¬≠nense est√£o Flo¬≠ri¬≠an√≥po¬≠lis, S√£o Paulo, Guaru¬≠j√° e Ubatu¬≠ba, S√£o Sebasti√£o, Sal¬≠vador, Cabo Frio, Bal¬≠ne√°rio Cam¬≠bori√ļ e Por¬≠to Belo.

PUBLICIDADE