PUBLICIDADE

brasil

‘Vou começar a cobrar royalties desses caras também’, diz Paes sobre pedido de concessionária para retirada de foto do Pão de Açúcar

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, usou suas redes sociais para responder sobre o caso de pedido feito ao Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS-Rio) de retirada por uso “sem autorização” de uma imagem de uma de suas paisagens mais famosas da cidade: o Morro da Urca com o bondinho e as enseadas ao fundo. A concessionária que administra o bondinho do Pão de Açúcar e as áreas turísticas do Morro da Urca notificou o instituto, como divulgou a coluna de Ancelmo Gois, pedindo a exclusão de um post que trazia a foto da paisagem.

Na notificação recebida pelo ITS-Rio, a concessionária Parque Bondinho Pão de Açúcar justifica o pedido devido a “vantagem comercial indevida”, com o “aproveitamento parasitário e enriquecimento sem causa”. Diretor do instituto, o advogado, professor e pesquisador, Ronaldo Lemos falou sobre a notificação em seu perfil no X (antigo Twitter). Nesta rede ele recebeu a resposta de Paes, que escreveu:

“Que absurdo. Vou começar a cobrar royalties desses caras também. Eu hein. Vou ver isso já @lemos_ronaldo.”

A resposta foi publicada quando Paes compartilhou a série de posts em que Lemos explica o que aconteceu para o ITS-Rio receber tal notificação.

“Tudo começou quando o @ITSriodejaneiro postou uma foto do Pão de Açúcar no instagram chamando pesquisadores do mundo todo para trabalharem no Brasil. Fazemos isso todo ano e tanto o programa como o próprio ITS é sem fins lucrativos”, escreveu o diretor do instituto, com o print do post publicado no Instagram. Na imagem usada, aparecem o Morro da Urca, parte do bondinho e as enseadas da Zona Sul.

Segundo Lemos, os advogadas da concessionária exigiram que a foto fosse removida imeditamente, e que representantes do instituto assinassem um Termo de Compromisso, documento classificou pelo diretor como “bizarro”.

“O Termo proíbe a gente de fazer “qualquer uso, presente e futuro, de imagens ou quaisquer representações do Parque Bondinho Pão de Açúcar”. O @ITSriodejaneiro tem o Rio de Janeiro no nosso próprio NOME! Teríamos de passar o resto da vida evitando imagens do Pão de Açúcar”, escreveu em seguida.

Por O Globo — Rio de Janeiro