PUBLICIDADE

esporte

Comitê Paralímpico Brasileiro e Caixa assinam termo de compromisso para promover a inclusão de crianças com deficiência

Nes¬≠ta sem¬≠ana, o Comit√™ Par¬≠al√≠mpi¬≠co Brasileiro (CPB) e a Caixa Econ√īmi¬≠ca Fed¬≠er¬≠al assi¬≠naram Ter¬≠mo de Com¬≠pro¬≠mis¬≠so que tem como obje¬≠ti¬≠vo pro¬≠mover a ini¬≠ci¬≠a√ß√£o esporti¬≠va de cri¬≠an√ßas com idade de 10 a 17 anos. A solenidade acon¬≠te¬≠ceu no Cen¬≠tro de Treina¬≠men¬≠to Par¬≠al√≠mpi¬≠co, em S√£o Paulo.
A parce¬≠ria pre¬≠v√™ o tra¬≠bal¬≠ho de ini¬≠ci¬≠a√ß√£o esporti¬≠va com 550 alunos das redes p√ļbli¬≠cas munic¬≠i¬≠pais e estad¬≠ual, com faixa et√°ria de 10 a 17 anos. Oito modal¬≠i¬≠dades ser√£o ofer¬≠e¬≠ci¬≠das: atletismo, bocha, fute¬≠bol de 5, goal¬≠ball, jud√ī, nata√ß√£o, t√™nis de mesa e v√īlei sen¬≠ta¬≠do. Os par¬≠tic¬≠i¬≠pantes deste pro¬≠je¬≠to rece¬≠ber√£o todo o mate¬≠r¬≠i¬≠al esporti¬≠vo para pr√°ti¬≠ca do esporte, lanch¬≠es, trans¬≠porte e ser√£o acom¬≠pan¬≠hados por pro¬≠fes¬≠sores e estag¬≠i√°rios qual¬≠i¬≠fi¬≠ca¬≠dos.
‚ÄúO esporte √© a garan¬≠tia da inclus√£o e da cidada¬≠nia para este grupo impor¬≠tante para a sociedade, que s√£o as pes¬≠soas com defi¬≠ci√™n¬≠cia. Mais que um espa√ßo para o alto rendi¬≠men¬≠to, o Cen¬≠tro de Treina¬≠men¬≠to tem se trans¬≠for¬≠ma¬≠do na casa da inclus√£o, porque o CT √© a base das Par¬≠alimp√≠adas Esco¬≠lares, que √© o maior even¬≠to do mun¬≠do para cri¬≠an√ßas com defi¬≠ci√™n¬≠cia, e √© a base tam¬≠b√©m da capac¬≠i¬≠ta√ß√£o de profis¬≠sion¬≠ais de edu¬≠ca√ß√£o f√≠si¬≠ca. Cel¬≠e¬≠bramos hoje a ampli¬≠a√ß√£o da nos¬≠sa parce¬≠ria com a Caixa. Existe o esporte par¬≠al√≠mpi¬≠co antes e depois da Caixa, parce¬≠ria que tem mais de 16 anos. Sa√≠¬≠mos do vig√©si¬≠mo quar¬≠to lugar nos Jogos de Syd¬≠ney 2000, para o oita¬≠vo lugar nos Jogos do Rio 2016‚ÄĚ, disse Miza¬≠el Con¬≠ra¬≠do, pres¬≠i¬≠dente do CPB, em dis¬≠cur¬≠so.
Miza¬≠el aproveitou o even¬≠to des¬≠ta quar¬≠ta-feira para anun¬≠ciar tam¬≠b√©m uma nova parce¬≠ria entre o Gov¬≠er¬≠no do Esta¬≠do de S√£o Paulo e o Comit√™ Par¬≠al√≠mpi¬≠co Brasileiro. ‚ÄúO Gov¬≠er¬≠nador Jo√£o Doria far√° uma deter¬≠mi¬≠na√ß√£o para que todos os pro¬≠fes¬≠sores de edu¬≠ca√ß√£o f√≠si¬≠ca estad¬≠ual fa√ßam o cur¬≠so √† dis¬≠t√Ęn¬≠cia do Movi¬≠men¬≠to Par¬≠al√≠mpi¬≠co e pre¬≠mi¬≠ar√° os pro¬≠fes¬≠sores com o mel¬≠hor desem¬≠pen¬≠ho com uma bol¬≠sa para que fa√ßam o m√≥du¬≠lo avan√ßa¬≠do aqui no Cen¬≠tro Paraol√≠mpi¬≠co‚ÄĚ, avi¬≠sou o pres¬≠i¬≠dente do CPB. O Comit√™ tem como meta capac¬≠i¬≠tar 100 mil pro¬≠fes¬≠sores de edu¬≠ca√ß√£o f√≠si¬≠ca at√© 2025. Para isso, lan√ßou o cur¬≠so ‚ÄúMovi¬≠men¬≠to Par¬≠al√≠mpi¬≠co: Fun¬≠da¬≠men¬≠tos B√°si¬≠cos do Esporte‚ÄĚ no for¬≠ma¬≠to √† dis¬≠t√Ęn¬≠cia.‚ÄĚ
O acor¬≠do pre¬≠v√™ o inves¬≠ti¬≠men¬≠to anu¬≠al de R$ 2,5 mil¬≠h√Ķes da Caixa pelo per√≠o¬≠do de qua¬≠tro anos. Em con¬≠tra¬≠parti¬≠da, o Cen¬≠tro de Treina¬≠men¬≠to Par¬≠al√≠mpi¬≠co, local¬≠iza¬≠do em S√£o Paulo, pas¬≠sar√° a ser chama¬≠do ‚ÄúCen¬≠tro Paraol√≠mpi¬≠co Caixa‚ÄĚ. O CT √© man¬≠ti¬≠do pelo CPB, ap√≥s vencer con¬≠cor¬≠r√™n¬≠cia p√ļbli¬≠ca do Gov¬≠er¬≠no do Esta¬≠do de S√£o Paulo em out¬≠ubro de 2017. Este acor¬≠do esta¬≠b¬≠ele¬≠ceu que o CPB tem o dire¬≠ito de gerir o CT por cin¬≠co anos, pror¬≠rog√°veis por mais cin¬≠co.
PUBLICIDADE