4.0 // manual4.2 // saúde

Alteração no paladar pode ser indicativo para doenças graves

Um dos maiores prazeres da vida está em comer e poder sentir o gosto específico de cada alimento, não é mesmo? Não para quem sofre com disgeusia. Esse problema causa uma distorção ou diminuição do paladar e muitas vezes vêm acompanhado por uma ardência bucal e um gosto metalizado na boca. Embora possa afetar qualquer pessoa, essa síndrome é mais comum em mulheres com mais de 60 anos.

Para entendermos melhor tudo isso, vamos conhecer as papilas gustativas, as protagonistas dessa história. Elas nada mais são do que pequenas saliências presentes na língua, responsáveis por enviar informações ao sistema nervoso quando a saliva entra em contato com algum alimento ou bebida, para que o sabor seja identificado.

Sem gosto 
No entanto, quando elas não funcionam bem a pessoa pode começar a sofrer alterações no paladar. Essa condição merece atenção, pois em alguns casos pode indicar algum problema ou doença mais séria. Alterações no paladar podem ser causados por qualquer coisa que interrompa a transferência das sensações de gosto para o cérebro, portanto são consequências de algum fator, ou seja, o diagnóstico preciso da doença que está ocasionando essa alteração deve ser feito o mais rápido possível.

Por isso, ao perceber qualquer mudança no paladar, procure um especialista. O cirurgião-dentista ou o fonoaudiólogo podem ajudar fazendo um diagnóstico por exame clínico, um questionário sobre hábitos, sintomas e causas ou ainda exames mais específicos, como tomografia para avaliar possíveis alterações nos seios da face ou parte do cérebro que controla o olfato.

 - REVISTA MAISJR

Fonte: Terra

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista