2.0 // dossiê2.1 // economia

Alta na produção de automóveis deve aquecer mercado de aço

Recente levantamento apresentado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) aponta para o crescimento de 40,4% na produção brasileira de carros de passeio e utilitários leves na comparação do mês de abril de 2018 com o mesmo período do ano anterior. “Tal cenário motiva os investimentos e novas perspectivas positivas para o mercado de aço”, avalia Francis Bassi de Melo, sócio fundador da Açovisa, referência nacional em distribuição de aços especiais. O material é responsável por mais da metade da estrutura de um veículo.

Contudo, pontua Bassi, a base ainda é baixa comparada com números de outros anos em que os rendimentos eram, de fato, considerados bons. “O mercado de aço é diretamente afetado pelos bons resultados da indústria automotiva e já temos notado uma movimentação bastante interessante no crescimento de vendas e expansão de mercado”, completa.

O empresário acrescenta ainda que a Açovisa, principal distribuidora dos produtos Gerdau no País, é uma das principais fornecedoras de aços especiais e longos para cadeia automotiva. “As médias de nossos clientes têm apresentado crescimento significativo, bem como a busca do mercado por novos projetos”, acrescenta ao dizer ainda que encontrar novos nichos e projetos é um desafio da indústria como um todo para a plena retomada da Economia no período pós-recessão vivido nos últimos anos.

Outros setores
Diferentemente do mercado automotivo, outros segmentos que impactam diretamente no desempenho do mercado de aço ainda enfrentam desafios. Segundo Francis Bassi de Melo, o cenário requer planejamento de crescimento bastante agressivo. “Temos contado com um cenário de crescimento econômico e da demanda”, explica.

O empresário explica que com a possibilidade de oscilações econômicas, ainda latente, pede por mudanças de cultura organizacionais adotadas pela Açovisa e apoio de novas tecnologias a favor da logística eficiente, o que tendem a atrair mercado. “Nosso principal desafio é adaptar nossas ofertas de produtos e serviços a um novo modelo de consumo que o mercado vem impondo”, continua.

Desde 2017, a Açovisa tem acreditado na retomada gradual da demanda do setor de aços especiais. Isso porque, pela primeira vez desde 2014, segundo o sócio fundador, foi possível perceber um nível maior de segurança do empresariado que tem se refletido no aumento das consultas e negócios no setor.

Para garantir a distribuição de aço por todo o território nacional – e para os mais diversos segmentos – a empresa conta com 15 unidades estrategicamente instaladas pelas diversas regiões. “Nossas plantas são distribuídas estrategicamente para garantir escoamento do aço para todos os mercados em tempo recorde em relação a outros players do mercado”, finaliza.

 - REVISTA MAISJR

Sobre a Açovisa:
Fundada em 1995, a Açovisa é referência em distribuição de aço no Brasil. Com operações em todo o Brasil, a empresa possui uma estrutura de 15.000 m² instalada em Guarulhos, além de filiais, escritórios e unidades de atendimento distribuídas pelo Brasil, garantindo as melhores soluções em aço para os diversos segmentos da indústria.

Foto: Divulgação

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista