PUBLICIDADE

economia

Ronaldo Fenômeno passará virada do ano com as contas bloqueadas pela Justiça

O ex-jogador e empresário Ronaldo Fenômeno vai passar as festas de fim de ano com as contas bloqueadas. A Justiça de São Paulo acolheu o pedido de um fundo de investimentos para usar a “teimosinha”, uma ferramenta que faz bloqueios bancários todos os dias, de forma automática, para congelar os valores do campeão do mundo pela Seleção Brasileira por conta de dívidas.

O bloqueio nas contas de Ronaldo foi pedido por um fundo de investimentos que cobra R$ 1 milhão dele e de sócios da empresa Liv Drinks. Na primeira tentativa, sem a “teimosinha”, a Justiça autorizou o bloqueio e conseguiu apenas R$ 18 mil.

O novo bloqueio foi autorizado no dia 7 de dezembro, pelo prazo de 30 dias. Até o dia 7 de janeiro, Ronaldo terá suas contas confiscadas diariamente à procura de dinheiro para quitar a dívida cobrada judicialmente.

O sistema tradicional de bloqueios do Judiciário congela as contas apenas uma vez, e o que for achado na data do bloqueio é confiscado. A teimosinha, criada em 2021, efetua bloqueios diários das contas de seu alvo.

Apesar de parecer eficiente, é considerada ultrapassada por advogados de credores, porque permite que o alvo, antes do bloqueio, transfira o dinheiro e, depois de executada a “teimosinha”, possa voltar a usar suas contas normalmente.

Por Jetss Entretenimento