PUBLICIDADE

política

OAB convoca reunião e também deve pedir impeachment de Bolsonaro

Um dia ap√≥s movimentos e partidos de esquerda, parlamentares de centro e ex-bolsonaristas apresentarem na C√Ęmara um¬†superpedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) convocou uma reuni√£o extraordin√°ria do seu Conselho Federal para o dia 20 de julho com o objetivo de debater se apresenta um documento pr√≥prio.

A entidade pediu o impeachment dos presidentes Fernando Collor, Dilma Rousseff e Michel Temer, mas resistia em aderir ao movimento ‚ÄúFora Bolsonaro‚ÄĚ. Em abril, a Ordem recebeu um parecer elaborado por uma comiss√£o de juristas, presidida pelo ex-ministro do Supremo Tribunal Federal¬†Carlos Ayres Britto, que concluiu que o presidente cometeu crimes de responsabilidade e contra a humanidade.

O presidente da OAB Santa Cruz © Wilton Junior / Estadão O presidente da OAB Santa Cruz

O texto, por√©m, ficou em segundo plano na agenda dos advogados. Em mensagem divulgada pelo WhatsApp para as seccionais da OAB, o presidente da entidade, Felipe Santa Cruz, disse que os fatos recentes, desvendados pela¬†CPI da Covid¬†no Senado, ‚Äúcolocam ainda mais luz‚ÄĚ sobre a responsabilidade clara do governo federal com rela√ß√£o √† trag√©dia que vivemos.

‚ÄúNosso direito constitucional b√°sico ‚Äď o direito √† vida ‚Äď est√° sob s√©ria amea√ßa. Portanto, n√£o √© mais poss√≠vel adiar o debate sobre a poss√≠vel apresenta√ß√£o, por parte de nossa entidade, do pedido de impeachment do presidente‚ÄĚ, disse o dirigente.

Santa Cruz argumentou ainda que o Brasil vive uma grande trag√©dia humanit√°ria, com quase 520 mil √≥bitos na terr√≠vel pandemia que enfrentamos. ‚ÄúNos dedicamos, em boa parte da nossa gest√£o, a lutar pelas garantias constitucionais frequentemente amea√ßadas e desrespeitadas nesse per√≠odo. Chegamos a enviar, para an√°lise do Procurador Geral da Rep√ļblica, uma not√≠cia crime sobre poss√≠veis crimes cometidos pelo presidente da Rep√ļblica, tanto em a√ß√Ķes quanto em omiss√Ķes durante a pandemia‚ÄĚ.

Em entrevista ao¬†Estad√£o¬†em abril, por√©m, o presidente da OAB estava reticente sobre a iniciativa: ‚ÄúN√£o tem ningu√©m na rua para pedir impeachment agora.‚ÄĚ Se for protocolado, o pedido da Ordem ser√° o 126¬į apresentado na C√Ęmara.

*Com informa√ß√Ķes do Estad√£o