PUBLICIDADE

mundo

Novo instrumento espacial da NASA captura impressionante erupção solar

Em 12 de fevereiro de 2021, um pouco mais de um ano após seu lançamento, o Solar Orbiter da NASA (em parceria com a ESA) avistou uma ejeção de massa coronal (erupção solar). O registro foi compartilhado pela NASA nesta semana. Como detalhado, por meio de comunicado, SoloHI usou um de seus quatro detectores em menos de 15% de sua cadência normal para reduzir a quantidade de dados adquiridos.

Ainda assim, um olho atento pode detectar a explos√£o repentina de part√≠culas, o CME, escapando do Sol, que est√° fora da c√Ęmera no canto superior direito.

Registro do instrumento SoloHI ‚Äď abrevia√ß√£o de Solar Orbiter Heliospheric Imager ‚Äď que observa o vento solar, a poeira e os raios c√≥smicos que preenchem o espa√ßo entre o Sol e os planetas.

METRO WORLD NEWS BRASIL

11 MAIO 2021

O CME come√ßa na metade do v√≠deo como uma explos√£o brilhante ‚Äď a densa borda de ataque do CME ‚Äď e sai da tela para a esquerda.
Novo instrumento espacial da NASA captura impressionante erupção solar

 

Novo instrumento espacial da NASA captura impressionante erupção solar

No momento em que a erupção atingiu a espaçonave, a Solar Orbiter tinha acabado de passar por trás do Sol da perspectiva da Terra e estava voltando pelo outro lado.

Como detalhado pela NASA, quando a miss√£o estava sendo planejada, a equipe n√£o esperava poder registrar nenhum dado durante esse tempo.

Mais duas imagens do Solar Orbiter ‚Äď Extreme Ultraviolet Imager e Metis da ESA ‚Äď tamb√©m capturaram visualiza√ß√Ķes do CME.

Novo instrumento espacial da NASA captura impressionante erupção solar
NASA/STEREO/COR2

A espa√ßonave STEREO-A da NASA, abrevia√ß√£o de Solar Terrestrial Relations Observatory, tamb√©m teve um vislumbre de seu detector COR2, que bloqueia o disco brilhante do Sol para ver fen√īmenos t√™nues no vento solar.

A Solar Orbiter tinha acabado de passar por tr√°s do Sol da perspectiva da Terra e estava voltando pelo outro lado.

Como detalhado pela NASA, de volta à Terra, o Escritório de Análise do Clima Espacial da Lua a Marte da NASA modelou o CME para traçar sua trajetória através do sistema solar.

As posi√ß√Ķes do Solar Orbiter, marcadas com um diamante vermelho, e STEREO-A, um quadrado vermelho, revelam seus diferentes pontos de vista.

Novo instrumento espacial da NASA captura impressionante erupção solar

Reprodução NASA

Eje√ß√£o de massa coronal ‚Äď CME

Como detalhado, a espaçonave da Agência Especial Americana tem observado CMEs por décadas, mas Solar Orbiter ainda é uma virada de jogo.

*POR : METRO WORLD NEWS