PUBLICIDADE

política

‚ÄúEssa CPI vai investigar o qu√™? Eu dei dinheiro para os caras‚ÄĚ, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) falou sobre a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid no Senado e afirmou que não há o que investigar. A afirmação foi feita a apoiadores na manhã desta 4ª feira (28.abr.2021).

‚ÄúEssa CPI vai investigar o qu√™? Eu dei dinheiro para os caras‚Äú, afirmou o presidente. E completou:¬†‚ÄúNo total foram mais de R$ 700 bilh√Ķes, aux√≠lio emergencial incluso. Muitos roubaram o dinheiro, desviaram e a CPI vai investigar conduta minha?‚ÄĚ,¬†questionou.

Bolsonaro tamb√©m afirmou que se ele for¬†reinfectado pelo coronav√≠rus¬†ir√° tomar¬†cloroquina¬†novamente. E disse que ir√° tomar a vacina apenas depois que toda a popula√ß√£o foi imunizada. ‚ÄúDepois que o √ļltimo tomar a vacina, eu tomo. Tem gente apavorada, ent√£o toma a vacina na minha frente‚Äú, disse.

De acordo com ele, seu exemplo como chefe de Estado é deixar que outras pessoas tomem a vacina antes dele. Bolsonaro também defendeu a liberdade dos médicos de prescreverem medicamentos contra a covid-19.

A¬†CPI da Covid¬†deve investigar omiss√Ķes do governo federal e mau uso do dinheiro federal repassado a governadores e prefeitos para o combate da pandemia.

O presidente tamb√©m reclamou das medidas de restri√ß√Ķes nos Estados. De acordo com ele, as medidas para conter o n√ļmero de casos e √≥bitos n√£o funcionam. ‚ÄúLockdown n√£o √© baixar a curva? Est√£o um ano achatando a curva‚Äú, disse.

Como j√° mostrou o¬†Poder360, os resultados das medidas de restri√ß√£o mais severas aparecem em¬†cerca de 3 semanas. Em locais que tiveram restri√ß√Ķes por mais de 15 dias, o n√ļmero de mortes cai ap√≥s o per√≠odo.

“Mas a grande desgraça é o desemprego“, afirmou Bolsonaro. De acordo com ele, o governo tem tentado aumentar as oportunidades de emprego, mas a situação dos informais ainda é “complicada“. Para ele, o governo federal está ajudando esses trabalhadores, enquanto os governadores não têm medidas na área.

“Mas apesar dos problemas, a economia está reagindo bem. A gente lamenta as pessoas que faleceram. Qualquer pessoa, não interessa a causa da morte, a gente sempre lamenta“, disse o presidente.

‚ÄúSalvador da p√°tria‚ÄĚ

O presidente também criticou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). “Um cara com um passado desse. Não tem cabimento“, disse.

Bolsonaro afirmou que a anulação de Lula não muda o passado e citou supostos casos de desvio de verba. Também criticou políticos de esquerda de outros países, como a família Kirchner, na Argentina.

“Eu não sou o salvador da pátria não, pessoal. Passa por vocês“, disse o presidente. Ele também afirmou que não está preocupado com política e que quem decide é o povo.

Ele disse ainda que o PT não tem do que reclamar. De acordo com ele, um tema recorrente para os petistas é o Bolsa Família, mas o auxílio emergencial é maior que o programa federal.

‚ÄúEnt√£o, o PT que fala tanto em Bolsa Fam√≠lia, hoje a m√©dia √© de R$ 192. O aux√≠lio emergencial est√° em R$ 250. √Č pouco? Eu sei que¬†est√° pouco. Mas √© muito mais do que a m√©dia do Bolso Fam√≠lia‚Äú.

O presidente afirmou ainda que pretende aumentar a média do Bolsa Família para R$ 250 em agosto e setembro deste ano. Ele não deu mais detalhes sobre o possível aumento.

*Com informa√ß√Ķes do Poder 360 –¬†Foto: Marcos Correa / Divulga√ß√£o

PUBLICIDADE