PUBLICIDADE

sa√ļde

Descubra quais nutrientes auxiliam no processo de cicatrização

Na cultura popular existem diversos costumes em rela√ß√£o √† sa√ļde: ervas, ch√°s e prepara√ß√Ķes que prometem fortalecer o organismo, evitar ou at√© mesmo acelerar a recupera√ß√£o de doen√ßas. Ainda que alguns desses h√°bitos sejam apenas crendices, o fato √© que a alimenta√ß√£o e a sa√ļde tem rela√ß√£o direta: o que comemos pode influenciar significativamente a capacidade do organismo em se reestabelecer de determinadas situa√ß√Ķes, bem como afetar a cicatriza√ß√£o de ferimentos.

Cicatrização x Nutrição

Seja em decorrência de um pequeno arranhão ou de um trauma extenso, quando afetado, nosso corpo é capaz de acionar uma resposta coordenada afim de tratar o mais rápido possível essa lesão. Esse complexo sistema abrange, numa visão bem simplificada, desde a sinalização do ferimento ao sistema imunológico até o remodelamento do tecido conjuntivo, afim de restaurar os danos sofridos. Porém, para que o corpo seja capaz realizar essa tarefa de forma efetiva, é essencial que o paciente esteja com seu estado nutricional saudável, uma vez que esse processo recorre à diversos micro e macronutrientes na hora de recompor a área comprometida.

Dieta cicatrizante

Ainda que as necessidades nutricionais variem de acordo com o estado do indivíduo e o próprio tipo de ferimento, alguns alimentos podem beneficiar o aporte desses nutrientes essenciais à boa cicatrização. Comuns ao cardápio do dia a dia, esses alimentos são capazes de enriquecer a oferta de proteínas, carboidratos, vitaminais e outros itens essenciais para a boa resposta imunológica e a boa regeneração dos tecidos.

Potencializam o efeito anti-inflamat√≥rio:¬†peixes gordurosos como a sardinha, o salm√£o e o atum s√£o as fontes mais ricas em √Ēmega 3 ‚Äď potente antioxidante capaz de¬†impactar¬†a a√ß√£o inflamat√≥ria do organismo. Tamb√©m √© poss√≠vel encontrar esse √°cido graxo em vegetais: semente de chia, semente de linha√ßa, oleaginosas como nozes, am√™ndoas e avel√£s e s√£o alternativas para o consumo desse nutriente.

Alimentos ricos em vitamina K auxiliam no processo de coagula√ß√£o, uma das primeiras e mais importantes fases do processo de cicatriza√ß√£o. √Č poss√≠vel encontrar esse nutriente principalmente em vegetais folhosos e legumes de tom escuro como o couve, o espinafre, o br√≥colis, o alface e aspargos.

Beneficiam a regeneração dos tecidos: alimentos ricos em proteínas são indispensáveis para a produção de aminoácidos como o colágeno e a arginina.

Enriquecer a dieta com carnes magras, ovos, derivados do leite s√£o formas de suprir a necessidade de prote√≠nas. Da mesma forma, √© poss√≠vel encontrar fontes vegetais: ‚Äúleguminosas como o feij√£o e a lentilha possuem bons √≠ndices de prote√≠na e podem ser facilmente inseridos na dieta.‚ÄĚ

Melhoram o aspecto da pele: ricos em vitamina A, alimentos como o bife de fígado, a cenoura, a batata doce e a manga, auxiliam na proteção da pele e ainda possuem efeito antioxidante. Incluir óleo de girassol ou a própria semente no cardápio, bem como ingerir oleaginosas como a castanha do Pará e avelã aumenta o aporte de vitamina E, que também auxilia no combate aos radicais livres.

Dentre as vitaminas do complexo B, merece destaque o √Ācido pantot√™nico, ou vitamina B5 ‚Äď presente em alimentos como o farelo de trigo, ovos, semente de girassol ‚Äď seu consumo beneficia a elasticidade e hidrata√ß√£o da pele.

 

PUBLICIDADE