PUBLICIDADE

Tatiana Nobili

Tatiana Nobili: Avó de estilista vira modelo para campanha

O badal­a­do estilista francês Simon Porte Jacque­mus chamou a atenção ao usar a avó, Lil­iane, como mod­e­lo para a cam­pan­ha da sua coleção, que ele mes­mo fotografou em casa.

Quem o segue nas redes soci¬≠ais est√° acos¬≠tu¬≠ma¬≠do a ver suas cri¬≠a√ß√Ķes, que vestem famosas como Rihan¬≠na e Bruna Mar¬≠que¬≠sine, usadas por ami¬≠gos e famil¬≠iares. Em meio ao iso¬≠la¬≠men¬≠to social, mas tam¬≠b√©m num momen¬≠to em que as mar¬≠cas est√£o aderindo ao uso de situ¬≠a√ß√Ķes mais intimis¬≠tas, as fotos de Lil¬≠iane fiz¬≠er¬≠am enorme suces¬≠so e arran¬≠car¬≠am elo¬≠gios de seguidores e pub¬≠li¬≠ca√ß√Ķes de moda.

Lon­don Fash­ion Week traz ini­cia­ti­vas ino­vado­ras aos des­files vir­tu­ais de moda

Entre lives, exposi√ß√Ķes, doc¬≠u¬≠men¬≠t√°rios e espa√ßos para com¬≠pras, ocor¬≠reu entre os dias 12 e 14 de jun¬≠ho a primeira edi√ß√£o com¬≠ple¬≠ta¬≠mente dig¬≠i¬≠tal da sem¬≠ana de moda lon¬≠d¬≠ri¬≠na. Abrindo o cen√°rio para as edi√ß√Ķes vir¬≠tu¬≠ais de NY, Lon¬≠dres, Mil√£o e Paris, o even¬≠to mostrou que, emb¬≠o¬≠ra a inter¬≠a¬≠tivi¬≠dade f√≠si¬≠ca seja uma exper¬≠i√™n¬≠cia impac¬≠tante, a inter¬≠net √© capaz de alcan√ßar um out¬≠ro tipo de intim¬≠i¬≠dade, onde um p√ļbli¬≠co mais amp¬≠lo pode se envolver e faz¬≠er parte da ind√ļs¬≠tria da moda. Ini¬≠cia¬≠ti¬≠vas como o Design¬≠er Diaries, Class of 2020, entre¬≠vis¬≠tas por v√≠deo chamadas e playlist ani¬≠madas movi¬≠men¬≠ta¬≠ram a Sem¬≠ana de Moda e fez pen¬≠sar no que est√° por vir para os pr√≥x¬≠i¬≠mos even¬≠tos vir¬≠tu¬≠ais.

Grupo que coman­da estre­las da moda, como Farm e Ani­male, prepara aber­tu­ra de cap­i­tal

O Grupo Soma, que é dono das mar­cas Ani­male, Cris Bar­ros, Farm, A.Brand, Fábu­la, Fox­ton, Maria Filó e Off Pre­mi­um espera con­cluir o proces­so de aber­tu­ra de cap­i­tal den­tro de um mês.

A oper­ação, que é esti­ma­da em 1 bil­hão de reais, teve iní­cio antes da pan­demia e chama atenção, num momen­to em que out­ras empre­sas do vare­jo lutam para reor­ga­ni­zar as dívi­das com cre­dores, dras­ti­ca­mente afe­tadas pelo fechamen­to do comér­cio físi­co.

O grupo quer se difer­en­ciar frente aos investi­dores pela sua estraté­gia dig­i­tal, prin­ci­pal­mente. Antes da pan­demia, as ven­das online já apre­sen­tavam óti­mo desem­pen­ho, fru­to de forte inves­ti­men­to do grupo, e fez com que a com­pan­hia con­seguisse man­ter um pata­mar de ven­das entre 50 a 80% do nív­el pré-pan­demia.

Novas fer¬≠ra¬≠men¬≠tas de mar¬≠ket¬≠ing agi¬≠tam o com√©r¬≠cio eletr√īni¬≠co da beleza

Um dos primeiros efeitos da pan­demia para o comér­cio foi que os con­sum­i­dores pas­saram a ser mais ouvi­dos. Em con­se­quên­cia, empre­sas como a L’oreal pas­saram a ofer­e­cer serviços inter­a­tivos inédi­tos. Testes vir­tu­ais de maquiagem e tin­turas de cabe­lo, con­sul­tas de beleza per­son­al­izadas, por meio de con­ver­sas de vídeo, uso de aplica­tivos que sim­u­lam efeitos estéti­cos são alguns exem­p­los de ini­cia­ti­vas que prom­e­tem se mul­ti­plicar nos próx­i­mos meses.

Segun­do pesquisas, boa parte desse novo com­por­ta­men­to vai per­manecer, inde­pen­dente dos rumos pós pan­demia. A L’Oreal anun­ciou recen­te­mente que a empre­sa atingiu nas ven­das online, em oito sem­anas, um resul­ta­do que, de out­ra for­ma, levaria três anos para alcançar e cred­i­ta o suces­so à nova for­ma de inter­a­gir com os con­sum­i­dores.

Grifes inter­na­cionais ditam o tom para a moda pós pan­demia

Um dos expoentes da moda mundi¬≠al, a grife Guc¬≠ci deu o tom do que deve vig¬≠o¬≠rar como tend√™n¬≠cias p√≥s-pan¬≠demia. Nas palavras do dire¬≠tor cria¬≠ti¬≠vo da mar¬≠ca, Alessan¬≠dro Michele, a esper¬≠an√ßa √© de que ‚Äúnun¬≠ca mais volte¬≠mos ao nor¬≠mal, pois a vida que viv√≠amos antes era ter¬≠riv¬≠el¬≠mente insus¬≠ten¬≠t√°v¬≠el‚ÄĚ.

Con¬≠for¬≠to e prati¬≠ci¬≠dade s√£o as palavras de ordem no mun¬≠do fash¬≠ion, num momen¬≠to em que mostrar o luxo, riqueza ou sofisti¬≠ca√ß√£o tornou-se agres¬≠si¬≠vo e de mal gos¬≠to. Por isso, estilis¬≠tas e profis¬≠sion¬≠ais da moda famosos pela osten¬≠ta√ß√£o pas¬≠saram a postar fotos em suas redes soci¬≠ais em situ¬≠a√ß√Ķes caseiras, em que o con¬≠for¬≠to fica em evid√™n¬≠cia. Quan¬≠do fig¬≠uras ic√īni¬≠cas como a estilista Donatel¬≠la Ver¬≠sace e a edi¬≠to¬≠ra de moda Anna Win¬≠tour apare¬≠cem de pant¬≠u¬≠fas ou mole¬≠tom espar¬≠ra¬≠ma¬≠da em seus sof√°s, a gente v√™ que √© para levar a s√©rio.

DIY Fash­ion

As palavras reci­clagem e cria­tivi­dade gan­haram força total num mun­do pro­fun­da­mente afe­ta­do pela pan­demia, prin­ci­pal­mente quan­do se fala em moda. Nes­sa lin­ha, veja como dar uma nova util­i­dade a peças sem uso do seu guar­da roupa.

Pre­cisa ape­nas de uma tesoura e uma camise­ta vel­ha: o primeiro pas­so é cor­tar 12 tiras de teci­do da camise­ta na hor­i­zon­tal, com 2cm de largu­ra. Ao cor­tar, as tiras ficarão com as bor­das enro­ladas, o que é óti­mo para dar mais vol­ume. Junte as tiras (se quis­er mais cur­to, de uma vol­ta em cada uma das tiras) e use uma delas para amar­rar todas as out­ras.

Dica b√īnus: para que seu colar fique super difer¬≠ente voc√™ pode uti¬≠lizar mais de uma camise¬≠ta, ou ain¬≠da tin¬≠gir as tiras. Out¬≠ra dica √© acres¬≠cen¬≠tar pedrarias ou mi√ßan¬≠gas. Veja como o resul¬≠ta¬≠do fica um charme e incre¬≠men¬≠ta qual¬≠quer pro¬≠du√ß√£o.

Fique de olho

IN

Muitas mul­heres aproveitaram para aposen­tar a tin­ta de cabe­lo durante a quar­ente­na. Assumir os fios bran­cos virou forte tendên­cia, con­dizente não só com um novo sen­so estéti­co, mas tam­bém com uma nova visão de mun­do, em que se mostrar sem fil­tros ou artifí­cios trans­mite aut­en­ti­ci­dade e pas­sa a ser aplau­di­do.

OUT

Osten­tação nun­ca esteve tão fora de moda. Mes­mo grifes de alto luxo estão focan­do em con­for­to, sim­pli­ci­dade e prati­ci­dade, que devem per­du­rar por um bom tem­po.

PUBLICIDADE