PUBLICIDADE

Mercado

Associação de carros elétricos estima alta de 60% nas vendas no Brasil em 2024

O segmento de veículos elétricos estima uma expansão de cerca de 60% nas vendas este ano, apesar da retomada do imposto de importação sobre o setor a partir deste mês, afirmou nesta sexta-feira a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE).

A entidade estima vendas de mais de 150 mil veículos eletrificados em 2024, após uma expansão de 91% em 2023.

Na véspera, a federação nacional de concessionários de veículos, Fenabrave, estimou crescimento nas vendas totais de carros e comerciais leves em 2024 de 12%, acima do avanço de 11% de 2023.

‚ÄúAcredito em 2024 que o mercado seguir√° a mesma evolu√ß√£o do final ano passado, optando por tecnologias de zero ou baixa emiss√£o, com um mix em torno de dois ter√ßos de ve√≠culos plug-in (PHEV e BEV) e um ter√ßo de h√≠bridos convencionais (HEV)‚ÄĚ, disse o presidente da ABVE, Ricardo Bastos, em comunicado √† imprensa.

Os veículos híbridos plug-in são aqueles que podem ter suas baterias recarregadas em tomadas enquanto os convencionais são os que são recarregados pelo próprio motor a combustão do veículo.

Em dezembro, segundo os dados da ABVE, os veículos plug-in atingiram 70% das vendas totais de eletrificados no Brasil (11.371, de um total de 16.279).

Por Forbes