PUBLICIDADE

tecnologia

Twitter Brasil traz dicas sobre como usar recursos da plataforma em campanha com criadores de conte√ļdo

A par¬≠tir des¬≠ta sem¬≠ana, as pes¬≠soas poder√£o acom¬≠pan¬≠har dire¬≠to no Twit¬≠ter uma s√©rie de oito v√≠deos educa¬≠tivos com dicas de fun¬≠cional¬≠i¬≠dades e fer¬≠ra¬≠men¬≠tas da platafor¬≠ma. Em parce¬≠ria com o Twit¬≠ter Art¬≠House (@ArtHouse), √°rea que une geren¬≠ci¬≠a¬≠men¬≠to de cri¬≠adores de con¬≠te√ļ¬≠do, edi√ß√£o de v√≠deos e trans¬≠mis¬≠s√£o ao vivo, a cam¬≠pan¬≠ha #Ajud¬≠in¬≠haDoTwit¬≠ter con¬≠ta com a par¬≠tic¬≠i¬≠pa√ß√£o de per¬≠son¬≠al¬≠i¬≠dades que pub¬≠li¬≠car√£o os v√≠deos em suas con¬≠tas no Twit¬≠ter.

O primeiro deles, pub¬≠li¬≠ca¬≠do nes¬≠ta ter√ßa-feira por Lus¬≠cas (@luscas), traz dicas de como sal¬≠var um Tweet. A fun¬≠cional¬≠i¬≠dade per¬≠mite que as pes¬≠soas guar¬≠dem um Tweet em uma esp√©¬≠cie de pas¬≠ta em seu per¬≠fil, encontrando‚ÄĎo facil¬≠mente a qual¬≠quer hora na aba ‚ÄúItens Salvos‚ÄĚ. O recur¬≠so foi cri¬≠a¬≠do para sim¬≠pli¬≠ficar o aces¬≠so dos usu√°rios a con¬≠te√ļ¬≠dos de seu inter¬≠esse a qual¬≠quer tem¬≠po ‚ÄĒ uma solu√ß√£o para quan¬≠do n√£o h√° tem¬≠po de explo¬≠rar todas as infor¬≠ma√ß√Ķes no exa¬≠to momen¬≠to em que o usu√°rio est√° nave¬≠gan¬≠do pela platafor¬≠ma.

 - REVISTA MAISJR

‚ÄúCom o obje¬≠ti¬≠vo de facil¬≠i¬≠tar que as pes¬≠soas encon¬≠trem e par¬≠ticipem de con¬≠ver¬≠sas sobre o que est√° acon¬≠te¬≠cen¬≠do em rela√ß√£o a temas de seu inter¬≠esse, o Twit¬≠ter lan√ßou diver¬≠sos recur¬≠sos e fun¬≠cional¬≠i¬≠dades nos √ļlti¬≠mos tem¬≠pos. Nos¬≠sa ideia com essa cam¬≠pan¬≠ha √© relem¬≠brar e indicar, de for¬≠ma sim¬≠ples, como aproveitar essas fun√ß√Ķes. Al√©m dis¬≠so, traze¬≠mos dicas de pri¬≠vaci¬≠dade e segu¬≠ran√ßa, para que cada um enten¬≠da como con¬≠tro¬≠lar sua exper¬≠i√™n¬≠cia na platafor¬≠ma‚ÄĚ, afir¬≠ma Astrid Vas¬≠con¬≠cel¬≠los, dire¬≠to¬≠ra de Comu¬≠ni¬≠ca√ß√£o e Mar¬≠ket¬≠ing do Twit¬≠ter para a Am√©ri¬≠ca Lati¬≠na.

O for¬≠ma¬≠to craft, incluin¬≠do cap¬≠turas de tela que ilus¬≠tram a nave¬≠g¬≠a√ß√£o real dos usu√°rios no aplica¬≠ti¬≠vo, foi escol¬≠hi¬≠do jus¬≠ta¬≠mente para pro¬≠por¬≠cionar uma lin¬≠guagem leve e sim¬≠ples aos v√≠deos. Al√©m dis¬≠so, o Twit¬≠ter Brasil optou por ter per¬≠son¬≠al¬≠i¬≠dades pub¬≠li¬≠can¬≠do os con¬≠te√ļ¬≠dos dev¬≠i¬≠do √† sua conex√£o nat¬≠ur¬≠al com a audi√™n¬≠cia na platafor¬≠ma e famil¬≠iari¬≠dade com o tema. ‚ÄúSe √© para falar de Twit¬≠ter no Twit¬≠ter, n√£o h√° nada mel¬≠hor do que ter Tweet¬≠eiros de carteir¬≠in¬≠ha con¬≠ver¬≠san¬≠do com os seguidores sobre as fun¬≠cional¬≠i¬≠dades. Sele¬≠cionamos pes¬≠soas que de fato usam os recur¬≠sos da platafor¬≠ma, porque a inten√ß√£o √© sem¬≠pre bus¬≠car legit¬≠im¬≠i¬≠dade na sin¬≠er¬≠gia entre o cri¬≠ador de con¬≠te√ļ¬≠do e a men¬≠sagem da mar¬≠ca‚ÄĚ, diz Gabriel Simas, espe¬≠cial¬≠ista de con¬≠te√ļ¬≠do do Twit¬≠ter Art¬≠House na Am√©ri¬≠ca Lati¬≠na.

Cada con¬≠te√ļ¬≠do ser√° pub¬≠li¬≠ca¬≠do por uma per¬≠son¬≠al¬≠i¬≠dade difer¬≠ente ao lon¬≠go das pr√≥x¬≠i¬≠mas sem¬≠anas. O p√ļbli¬≠co poder√° saber mais sobre como sal¬≠var ou com¬≠par¬≠til¬≠har um Tweet, onde encon¬≠trar as con¬≠fig¬≠u¬≠ra√ß√Ķes de pri¬≠vaci¬≠dade, de que for¬≠ma comen¬≠tar por √°udio em trans¬≠mis¬≠s√Ķes ao vivo, entre out¬≠ras dicas. Para con¬≠ferir toda a s√©rie, bas¬≠ta acom¬≠pan¬≠har a hash¬≠tag #Ajud¬≠in¬≠haDoTwit¬≠ter na bus¬≠ca do Twit¬≠ter e a con¬≠ta do Twit¬≠ter Brasil (@TwitterBrasil).

PUBLICIDADE