tecnologia

Tecnologia ajuda paciente voltar a enxergar

Um projeto de cientistas da Universidade de Miguel Hernandez, localizada na cidade de Elche, na Espanha, pode mudar a vida de mais de 36 milhões de pessoas. O objetivo do diretor de neuroengenharia da instituição, Eduardo Fernandez é fazer com que aliando a tecnologia e a ciência, possa se possível que uma pessoa cega volte a enxergar.

Após anos de estudo, Fernandez fez o primeiro experimento, implantando um olho biônico na paciente Bernardeta Gómez, que perdeu a visão há 16 anos.

De acordo com o Canal Tech, o sistema utilizado pelo cientista consiste em algumas partes, a primeira delas é a utilização de um par de óculos com uma câmera conectada a um computador.

A máquina entende o que a câmera está capturando por meio de sinais eletrônicos que são enviado a um receptor incorporado na parte de trás do crânio da paciente de forma cirúrgica.

O receptor conecta-se a um implante com 100 eletrodos colocado no córtex visual da paciente.

Com o implante, Gómez conseguiu visualizar uma versão em baixa resolução do que estava em sua frente, descrito por ela como “pontos brilhantes”. Ainda não foi possível identificar letras, luzes ou pessoas, mas o que a paciente enxergou permitiu que ela até mesmo jogasse uma versão simplificada do game Pac-Man, dentro do próprio cérebro.

A partir de agora, o neurocientista, continuará com os testes no aparelho para aperfeiçoá-lo. O diretor não é o primeiro a tentar desenvolver um olho biônico. No ano passado, outro profissional também criou um sistema semelhante.

*Fonte: Canal Tech

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista