PUBLICIDADE

mundo

Senador Cory Booker desiste de corrida presidencial dos EUA

O senador amer¬≠i¬≠cano Cory Book¬≠er anun¬≠ciou, nes¬≠ta segun¬≠da-feira (13), que desis¬≠tiu de par¬≠tic¬≠i¬≠par das elei√ß√Ķes pres¬≠i¬≠den¬≠cial dos Esta¬≠dos Unidos, onde con¬≠cor¬≠ria √† nomea√ß√£o pelo Par¬≠tido Democ¬≠ra¬≠ta, rival do atu¬≠al pres¬≠i¬≠dente, Don¬≠ald Trump.  

‚Äú√Č de todo o cora√ß√£o que com¬≠par¬≠til¬≠ho esta not√≠¬≠cia ‚ÄĒ estou sus¬≠penden¬≠do min¬≠ha cam¬≠pan¬≠ha para pres¬≠i¬≠dente‚ÄĚ, escreveu Book¬≠er no Twit¬≠ter. ‚Äú√Ä min¬≠ha equipe, apoiadores e a todos que me der¬≠am uma chance ‚ÄĒ obri¬≠ga¬≠do. Ten¬≠ho muito orgul¬≠ho do que con¬≠stru√≠¬≠mos e n√£o sin¬≠to nada al√©m de f√© no que podemos realizar jun¬≠tos‚ÄĚ.

 - REVISTA MAISJR

Com essa mudança no cenário, segue na dis­pu­ta 12 con­cor­rentes à nomeação democ­ra­ta. Entre a lista dos mais cota­dos são o ex-vice-pres­i­dente Joe Biden, o senador Bernie Sanders, a senado­ra Eliz­a­beth War­ren e o prefeito Pete Buttigieg. Quem for escol­hi­do dev­erá enfrentar Trump, que já tem o apoio dos repub­li­canos.

Cr√©di¬≠to ‚ÄĒ Foto: Patrick Semansky/AP

PUBLICIDADE