4.1 // sexo

Saiba por que alguns homens perdem a ereção ao colocar a camisinha

Você já deve ter passado por uma situação dessas – ou no mínimo conhece um homem que já passou por isto: ao colocar a camisinha, a ereção desapareceu. Mas será que a camisinha realmente tem culpa disso? O que os especialistas dizem sobre esse “problema” que parece aterrorizar os homens durante o sexo?

Segundo o urologista Jefferson Lopes, do Instituto de Sexualidade Masculina, essa queixa é extremamente comum entre os homens. Entretanto, ele garantiu: isso não é desculpa para abrir mão da camisinha.

 

A CULPA É DA CAMISINHA?Em resumo: não, a culpa não é da camisinha: “Na maioria dos casos, essa perda de ereção é psicológica. O preservativo não corta circulação… É tudo mito”, explica Eduardo Bertero, coordenador do departamento de sexualidade humana da Sociedade Brasileira de Urologia.

Então, qual feitiçaria acontece na hora de colocar a camisinha? A explicação é até óbvia, e nada mística, na verdade: o que rola é que na pausa para colocar a camisinha, muitos homens acabam experimentando sentimentos de ansiedade e insegurança e isso pode afetar a ereção. Normalmente, esse tipo de coisa acontece na primeira relação sexual com determinada mulher, mas mesmo quando o homem brocha ao colocar a camisinha em uma relação já estabelecida, a falta de intimidade e informação pode causar o problema. Para homens que nunca tiveram o hábito de usar a camisinha, inclusive, a dificuldade é ainda mais intensa – principalmente em homens mais velhos “Muitos não tem uma ereção tão boa ou tem menor sensibilidade, o que dificulta a colocação da camisinha. E ele acha mais fácil atribuir isso ao preservativo”, diz Jefferson Lopes.

 

ENTÃO A CAMISINHA NÃO CORTA A CIRCULAÇÃO?Não, isso é um mito completo. Nenhuma camisinha aperta a ponto de cortar a circulação, e os médicos dizem que isso é lenda. Se você acha que a camisinha está apertada demais, a recomendação é simplesmente usar uma camisinha maior – aliás, camisinha apertada ou larga demais também pode ser um perigo, afinal, o tamanho errado pode prejudicar a proteção tanto de DSTs quanto de uma gravidez indesejada. Se você tem problema em usar camisinha, o ideal é ter calma e treinar bastante. Os especialista recomendam: “Concentre-se no prazer da outra pessoa, curta e você tirará o peso da situação”, sugere Jefferson. O próprio ato de colocar a camisinha também pode ganhar uma pegada de preliminar e, em vez de ser apenas uma ação mecânica, se tornar um aditivo sexual. Experimente pedir a ajuda da garota para colocar a camisinha, por exemplo: tem muita gente que curte e fica empolgado só de pensar na mulher colocando a camisinha com a boca, então, use esse momento para estimular ainda mais uma ereção, e não o contrário. Para aqueles que não conseguem manter uma ereção com camisinha de forma alguma, os especialistas também recomendam que eles se masturbem com o preservativo. Pode parecer difícil, mas é uma forma forma de se acostumar com a camisinha e garantir que na hora H você vai se sentir confortável. Experimentar outras marcas e tamanhos também é fundamental para descobrir qual dá mais prazer para você e para a sua parceira.

 

A CAMISINHA É O ÚNICO MÉTODO SEGURO CONTRA DSTSUsar camisinha é fundamental porque este ainda é o único método seguro contra doenças sexualmente transmissíveis: “Muita gente que não está usando mais camisinha, mesmo para relação ocasional, o que é um absurdo. Será que alguém espalhou por aí que não tem mais Aids?”, pergunta Eduardo. Os casos de contaminação por HIV no Brasil, por exemplo, aumentaram em 3% entre 2010 e 2016, segundo relatório da ONU –enquanto no resto do mundo caíram em 11%. Então não brinque com esse tipo de coisa, se arriscar e arriscar a vida de outra pessoa é um erro tremendo.

 

Fotos: Reprodução

Fonte: Maria Confort/ManualdoHomemModerno

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista