brasileconomia

Prestação de serviço é aposta para 2019

Um estudo feito pelo Sebrae mostra que o setor de serviços é a principal aposta para quem planeja investir no próprio negócio neste ano. O Relatório “Negócios Promissores em 2019” revela que o crescimento da economia, empurrado pela projeção de uma safra agrícola próxima ao seu recorde histórico (238 milhões de hectares plantados), assim como da esperada recuperação do mercado de trabalho deve sustentar a trajetória de ligeira recuperação do rendimento médio real dos trabalhadores (em 2018, o crescimento foi próximo à 1% a.a).

Segundo o levantamento, isso tende a favorecer as Micro e Pequenas Empresas (MPE) voltadas à prestação de serviços pessoais, como cuidador de idosos, instalação e manutenção elétrica, entregas, transporte de passageiro, marketing direto e produção de conteúdo para internet, além dos negócios que atendem as necessidades básicas da população (alimentação, vestuário, calçados e construção).

“O destaque no setor de serviços já reflete a recuperação da renda e do mercado de trabalho como um todo. Deve-se reforçar que, com esse aumento, voltamos a caminhar na direção das tendências de longo prazo da economia, com destaque para a expansão das atividades de prestação de serviço nas áreas de transporte, saúde, educação, além das tradicionais atividades, como alimentação, vestuário e serviços pessoas”, analisa o presidente do Sebrae, João Henrique Sousa.

Outro fator que deve favorecer todos os tipos de pequenos negócios, apontado no estudo, é inflação estável, principalmente para aqueles empreendimentos que produzem itens da cesta básica, como alimentação, vestuário, artigos de limpeza e higiene pessoal. “As MPE destes setores serão beneficiadas em função da melhora no mercado de trabalho, melhora e manutenção do poder de compra dos salários e melhora do nível de investimento das empresas’

 - REVISTA MAISJR

Crédito: cmn-dinheiro

Exemplos de atividades com potencial de expansão em 2019:

SEGMENTOS:

Serviços pessoal – Assistência a paciente no domicílio, restaurantes e similares, cabelereiros, manicure e pedicure, instalação e manutenção elétrica,fotografia,lavagem/lubrificação/polimento de veículos, serviços de alinhamento e balanceamento de veículos, casas de festas e eventos.

Serviços prestados às empresas – Serviço de apoio administrativo, serviço de entregas, marketing direto, promoção de vendas, organização de feiras, congressos e festas.

Serviços nas áreas de transporte, saúde e educação- Treinamento/desenvolvimento profissional, transporte escolar, transporte de carga, serviço de taxi, ensino de arte, outras atividades de ensino, serviços de diagnóstico por imagem, educação infantil (creche), instituição para idosos, atividades de fisioterapia, atividades de condicionamento físico, atividade ambulatorial (exames).

Serviços de informática e comunicação – Serviço de comunicação multimídia, desenvolvimento de programas de computador, provedores de conteúdo, reparação de equipamentos de comunicação

Serviços de apoio à agropecuária – Manutenção e reparação de máquinas agrícolas, serviços de agronomia e de consultoria de atividades agrícolas e pecuárias, atividades veterinárias

Bens que atendem às necessidades básicas da população- Produtos de padarias/confeitarias, material de construção, alimentos preparados, comércio de hortifrutigranjeiros, comércio de alimentos em geral, comércio de bebidas, comércio de vestuário, calçados e pequenas obras/construções (obras de alvenaria, instalação e manutenção elétrica).

Crédito – foto destaque: Fast Markets

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista