PUBLICIDADE

brasil

Bolsonaro diz novamente, que país não aguenta três meses parado

Presidente Jair Bolsonaro ao deixar o Palácio da Alvorada em Brasília

O pres­i­dente Jair Bol­sonaro voltou a diz­er nes­ta sex­ta-feira que o país não aguen­ta ficar três meses para­do e chamou de dem­a­gogia a decisão de gov­er­nadores de dec­re­tar medi­das de iso­la­men­to social.

Foto: ¬© Reuters Pres¬≠i¬≠dente Jair Bol¬≠sonaro ao deixar o Pal√°¬≠cio da Alvo¬≠ra¬≠da em Bras√≠lia

Bol­sonaro ignorou os jor­nal­is­tas na man­hã des­ta sex­ta-feira, ao sair do Palá­cio da Alvo­ra­da, mas parou para con­ver­sar com apoiadores, a maio­r­ia evangéli­cos e com­er­ciantes do entorno de Brasília.

‚ÄúVoc√™s sabem meu posi¬≠ciona¬≠men¬≠to, n√£o pode fechar dessa maneira. Vai traz¬≠er desem¬≠prego em mas¬≠sa‚ÄĚ, disse. ‚ÄúA sociedade n√£o aguen¬≠ta ficar dois, tr√™s meses para¬≠da. √Č uma dem¬≠a¬≠gogia.‚ÄĚ

Bol¬≠sonaro disse ain¬≠da que est√° ‚Äútrazen¬≠do a opini√£o p√ļbli¬≠ca‚ÄĚ para seu lado e, a uma apoiado¬≠ra que disse a ele que estavam ape¬≠nas ‚Äúesperan¬≠do sua voz‚ÄĚ, respon¬≠deu: ‚Äúvai chegar a hora cer¬≠ta‚ÄĚ.

(Reportagem de Lisan­dra Paraguas­su) / Reuters

PUBLICIDADE