PUBLICIDADE

economia

Na produ√ß√£o de abril ante mar√ßo, montadoras de ve√≠culos t√™m queda de 99% 

A ind√ļs¬≠tria auto¬≠mo¬≠ti¬≠va do Brasil teve que¬≠da de 99% na pro¬≠du√ß√£o de abril ante mar√ßo, impacta¬≠da pelas medi¬≠das de quar¬≠ente¬≠na ado¬≠tadas por Esta¬≠dos e munic√≠¬≠pios na expec¬≠ta¬≠ti¬≠va de con¬≠ter o avan√ßo da epi¬≠demia de coro¬≠n¬≠av√≠rus.

A pro¬≠du√ß√£o do m√™s pas¬≠sa¬≠do somou ape¬≠nas 1.800 car¬≠ros, com¬≠er¬≠ci¬≠ais leves, cam¬≠in¬≠h√Ķes e √īnibus. A ind√ļs¬≠tria tem uma capaci¬≠dade para pro¬≠duzir cer¬≠ca de 5 mil¬≠h√Ķes de ve√≠cu¬≠los por ano no Brasil.

Já as ven­das de veícu­los novos despen­car­am 66% em abril ante março, para 55,7 mil unidades, infor­mou a asso­ci­ação que rep­re­sen­ta o setor, Anfavea, nes­ta sex­ta-feira.

Com isso, as mon¬≠ta¬≠do¬≠ras encer¬≠raram o m√™s pas¬≠sa¬≠do com esto¬≠ques sufi¬≠cientes para qua¬≠tro meses de ven¬≠das. ‚ÄúS√≥ n√£o √© pior porque paramos de pro¬≠duzir para preser¬≠var caixa‚ÄĚ, disse o pres¬≠i¬≠dente da Anfavea, Luiz Car¬≠los Moraes, em apre¬≠sen¬≠ta√ß√£o trans¬≠mi¬≠ti¬≠da pela inter¬≠net.

O exec¬≠u¬≠ti¬≠vo afir¬≠mou que a crise tam¬≠b√©m impactou o setor de locado¬≠ras de ve√≠cu¬≠los, um dos prin¬≠ci¬≠pais clientes da ind√ļs¬≠tria auto¬≠mo¬≠ti¬≠va. ‚ÄúCom a crise, cer¬≠ca de 160 mil car¬≠ros foram devolvi¬≠dos pelos motoris¬≠tas de aplica¬≠tivos √†s locado¬≠ras por causa da que¬≠da no n√ļmero de cor¬≠ri¬≠das‚ÄĚ, disse Moraes.

Por Alber¬≠to Ale¬≠ri¬≠gi Jr. e Marce¬≠lo Rochabrun / S√ÉO PAULO (Reuters)

PUBLICIDADE