6.1 // denise prado

Homens x Homens

O Mundo está ficando louco? As pessoas estão se distanciando do Humano, do valor da vida, da esperança, do amor? Hoje ia escrever a coluna sobre outro assunto, mas como ignorar tamanha tristeza que se abateu hoje em Barcelona, meu coração está despedaçado por a cada dia perceber que os Homens são os responsáveis pelas maiores atrocidades que vem acontecendo dia após dia, despedaçado por ver que tanta violência, mentiras, corrupção, traição são atitudes cometidas pelo Homem.

Que Raça somos nós? Demos certo? Evoluímos?

Homens que assumem publicamente que atentaram contra a vida de outros Homens, matam e machucam pessoas em nome de Deus. Quem disse que têm esse direito?

Temos Inteligência para construímos o que quisermos, todas as máquinas são inventadas pelo Homem, toda a tecnologia é criada e manipulada pelo Homem. Todas as armas são inventadas pelo Homem. Então o que estamos esperando para mudar de verdade as nossas atitudes? O que estamos esperando para usarmos a nossa inteligência emocional para movimentar o universo a partir de novas atitudes? Existem pessoas que realmente querem e praticam novos olhares, pensam com o coração e se colocam a disposição dessa nova era. Escolhem a estrada do amor.

Tenho ido atrás dessas pessoas, tenho buscado incansavelmente a esperança nos pequenos gestos, empatia, um olhar ou um sorriso que fazem a diferença na vida do outro. Pessoas como a atriz Úrsula Corona com seu trabalho com as crianças de algumas comunidades no Rio de Janeiro, ou a produtora cultural Dirce Abreu, que através do projeto Tocar, tocou o coração de muitas famílias em duas comunidades em São Paulo, ou a minha amiga Vivian Perl, que com seu amor pelos animais vem promovendo através da ONG Focinhos da Luz, a adoção e dignidade para  bichanos ou cachorros que são abandonados , ou o mago da natureza Galeno da Ilha ( já falei dele aqui) que do seu Sítio Santa Seiva preserva a natureza, plantando, cuidando dos bichos e dos seres vivos que ali habitam, até o ser humano, que insiste em depedrar, e destruir. Se cada um fizer um pouquinho vira um montão e a nova geração que está aí vai poder sim evoluir e fazer dar certo.

Vamos olhar para as nossas crianças, vamos mostrá-las o verdadeiro sentido da vida, vamos ouvi-las, vamos usar as redes sociais que não são poucas para divulgar as boas ações genuínas que estão sendo espalhadas pelo mundo, vamos tirar as máscaras que essas redes sociais proporcionam, pois aceitam qualquer coisa.

VAMOS SER OS MAIS INFLUENTES SERES HUMANOS PARA OUTROS SERES HUMANOS!

 

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista