PUBLICIDADE

1.0 - Radarmundo

Ex-aluno que matou 17 pessoas nos EUA tinha foto com arma em rede social

 - REVISTA MAISJR

O ati­rador que inva­diu uma esco­la em Park­land, na Flórida,deixando 17 mor­tos, era um ex-aluno que foi expul­so por motivos dis­ci­pli­nares. Niko­las Cruz, de 19 anos, inva­diu a Stone­man Dou­glas High School na tarde de quar­ta-feira (14) com um rifle AR-15. Ele agiu soz­in­ho e acabou sendo pre­so logo após a ação.

A impren­sa amer­i­cana encon­trou em sua con­ta no Insta­gram, que foi blo­quea­da após o tiroteio, uma série de fotos em que Niko­las Cruz aparece com facas e arma de fogo. Ami­gos e ex-cole­gas de classe con­fir­maram que a con­ta per­ten­cia a ele.

O jor¬≠nal ‚ÄúThe York Post‚ÄĚ afir¬≠ma que ele afir¬≠ma¬≠va que tiroteio era uma esp√©¬≠cie de ‚Äúter¬≠apia gru¬≠pal‚ÄĚ e aparenta¬≠va zom¬≠bar de mu√ßul¬≠manos na leg¬≠en¬≠da de pelo menos uma das fotos. Em quase todas elas, ele usa¬≠va camise¬≠ta pre¬≠ta ou um len√ßo para cobrir o ros¬≠to.

Os motivos que levaram a sua expul¬≠s√£o do col√©¬≠gio n√£o foram divul¬≠ga¬≠dos ofi¬≠cial¬≠mente. De acor¬≠do com o jor¬≠nal ‚ÄúMia¬≠mi Her¬≠ald‚ÄĚ, um cole¬≠ga rela¬≠tou que ele teria lev¬≠a¬≠do para a esco¬≠la muni√ß√£o na mochi¬≠la.

O ‚ÄúMia¬≠mi Her¬≠ald‚ÄĚ con¬≠ver¬≠sou com pro¬≠fes¬≠sores e alunos que con¬≠hecem Cruz e dizem que ele era con¬≠sid¬≠er¬≠a¬≠do uma pes¬≠soa prob¬≠lem√°ti¬≠ca, que amea√ßa¬≠va cole¬≠gas e n√£o tin¬≠ha autor¬≠iza¬≠√ß√£o para entrar no pr√©¬≠dio por¬≠tan¬≠do mochi¬≠las ‚Äď decis√£o que teria sido toma¬≠da dev¬≠i¬≠do ao seu inter¬≠esse obses¬≠si¬≠vo por armas.

‚ÄúTudo o que ele fala¬≠va era sobre armas, facas e ca√ßa. N√£o pos¬≠so diz¬≠er que fiquei choca¬≠do. A par¬≠tir de exper¬≠i√™n¬≠cias pas¬≠sadas, ele pare¬≠cia ser o tipo de cri¬≠an√ßa que faria algo assim‚ÄĚ, disse Joshua Charo, 16, ex-cole¬≠ga de classe no ensi¬≠no m√©dio.

Inves­ti­gadores acred­i­tam que Cruz forçou o alarme de incên­dio a dis­parar para con­seguir atin­gir mais víti­mas, segun­do a CNN.

Em sua ação, 12 pes­soas foram mor­tas den­tro da esco­la; duas víti­mas mor­reram fora do pré­dio; uma mor­reu em uma rua próx­i­ma e 2 mor­reram no hos­pi­tal.

Além deles, hos­pi­tais da região rece­ber­am mais 14 pacientes. O sus­peito do tiroteio tam­bém foi lev­a­do ao hos­pi­tal, sob custó­dia da polí­cia.

 - REVISTA MAISJR  - REVISTA MAISJR

Fonte: G1

PUBLICIDADE