dossiêmundo

Ex-aluno que matou 17 pessoas nos EUA tinha foto com arma em rede social

 - REVISTA MAISJR

O atirador que invadiu uma escola em Parkland, na Flórida,deixando 17 mortos, era um ex-aluno que foi expulso por motivos disciplinares. Nikolas Cruz, de 19 anos, invadiu a Stoneman Douglas High School na tarde de quarta-feira (14) com um rifle AR-15. Ele agiu sozinho e acabou sendo preso logo após a ação.

A imprensa americana encontrou em sua conta no Instagram, que foi bloqueada após o tiroteio, uma série de fotos em que Nikolas Cruz aparece com facas e arma de fogo. Amigos e ex-colegas de classe confirmaram que a conta pertencia a ele.

O jornal “The York Post” afirma que ele afirmava que tiroteio era uma espécie de “terapia grupal” e aparentava zombar de muçulmanos na legenda de pelo menos uma das fotos. Em quase todas elas, ele usava camiseta preta ou um lenço para cobrir o rosto.

Os motivos que levaram a sua expulsão do colégio não foram divulgados oficialmente. De acordo com o jornal “Miami Herald”, um colega relatou que ele teria levado para a escola munição na mochila.

O “Miami Herald” conversou com professores e alunos que conhecem Cruz e dizem que ele era considerado uma pessoa problemática, que ameaçava colegas e não tinha autorização para entrar no prédio portando mochilas – decisão que teria sido tomada devido ao seu interesse obsessivo por armas.

“Tudo o que ele falava era sobre armas, facas e caça. Não posso dizer que fiquei chocado. A partir de experiências passadas, ele parecia ser o tipo de criança que faria algo assim”, disse Joshua Charo, 16, ex-colega de classe no ensino médio.

Investigadores acreditam que Cruz forçou o alarme de incêndio a disparar para conseguir atingir mais vítimas, segundo a CNN.

Em sua ação, 12 pessoas foram mortas dentro da escola; duas vítimas morreram fora do prédio; uma morreu em uma rua próxima e 2 morreram no hospital.

Além deles, hospitais da região receberam mais 14 pacientes. O suspeito do tiroteio também foi levado ao hospital, sob custódia da polícia.

 - REVISTA MAISJR  - REVISTA MAISJR

Fonte: G1

saiba antes via instagram @maisinfluenterevista